Cosmovisão Cristã na Didática Magna de Comenius

Autores

DOI:

https://doi.org/10.46551/ees.e202008

Palavras-chave:

Cosmovisão Cristã, Didática Magna, Comenius

Resumo

Este estudo, que se insere no campo da história das ideias pedagógicas, analisa o pensamento do educador João Amós Comenius (1592-1670) na sua obra clássica Didática Magna: a arte de ensinar tudo a todos, publicada em 1657. O objetivo é conhecer as propostas educacionais do autor, considerando o contexto em que foram elaboradas e a visão de mundo que as nortearam.  O referencial teórico para a referida análise é a sociologia da religião de Max Weber (2004), que aponta o impacto das convicções religiosas na ação social dos indivíduos. Analisa, neste caso, o impacto do “ascetismo intramundano” da ética protestante nas elaborações de Comenius. Trata-se de uma pesquisa documental, tendo como fonte principal a obra Didática Magna. O estudo possibilita uma compreensão das propostas educacionais de Comenius, articuladas ao espírito do século XVII e suas contribuições para a consolidação da ciência moderna.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, Vânia Maria; WALDOW, Carmen. A Importância do Estudo dos Clássicos para Pensar a Educação: Antigas questões, novos desafios para a formação de professores. In: Notandum, Ano 23, n. 58, 2020.

ALVES, Vânia Maria; WALDOW, Carmen. O Estudo dos Clássicos Para Pensar a Educação: Antigas Questões, Novos Desafios para a Formação Docente. In: Notandum. n. 52(23). Maringá-PR: UEM, 2019.

ARANHA, Maria Lúcia Arruda. História da educação e da pedagogia. 3. ed. São Paulo: Moderna, 2006.

BARCLAY, William. Palavras chaves do Novo Testamento. São Paulo: Vida Nova, 1985.

CAMBI, Franco. História da pedagogia. São Paulo: UNESP, 1999.

CARVALHO, Guilherme Vilela de; CUNHA, Maurício José Silva. Cosmovisão cristã e transformação: espiritualidade, razão e ordem social. Viçosa: Ultimato, 2006.

COMENIUS, João Amós. Didática Magna: a arte de ensinar tudo a todos. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

FOUCAULT, Michel. O que é um autor? Lisboa: Passagens, 1992.

GADOTTI, Moacir. Histórias das ideias pedagógicas. São Paulo: Ática, 2002.

GASPARIN, J. L. Comenius e a emergência da modernidade na educação. Petrópolis-RJ: Vozes, 1997.

GASPARIN, João Luiz. Os clássicos na formação de professores: um retorno necessário em tempos de crise. Curitiba-PR: CRV, 2019.

GOHEEN, Michael W. Introdução à Cosmovisão Cristã: vivendo na intersecção entre a visão bíblica e a contemporânea. Vida Nova: São Paulo: 2016.

GOMES, Davi Charles. A Metapsicologia Vantiliana: uma incursão preliminar. In: Fides Reformata XI:1 (2006), p. 116, nota 14.)

GOMES, Wadislau Martins. Todo mundo pensa, você também: Aprendendo a pensar biblicamente. Brasília: Monergismo, 2013.

GONTIJO, Fábio de Brito. A Didática Magna de Comenius e Declarações da UNESCO: Educação para todos – a inspiração de Comenius e a posição da UNESCO. Uberaba-MG: Universidade de Uberaba, 2016 (Dissertação de Mestrado)

HOYKAAS, Ruy. A Religião e o desenvolvimento da Ciência Moderna. Brasília-DF: UNB, 1988.

LEITE, Cláudio A. C.; CARVALHO, Guilherme Vilela de; CUNHA, Maurício José Silva. Cosmovisão cristã e transformação: espiritualidade, razão e ordem social. Viçosa: Ultimato, 2006, p.39-55.

LOPES, Edson Pereira. A inter-relação da Teologia com a Pedagogia no pensamento de Comenius. São Paulo: Mackenzie, 2006.

LOPES, Edson Pereira. Espiritualidade Protestante no Pensamento de João Amós Comenius. In: Pistis & Praxis. n. 1. 2013.

MATOS, Alderi Souza de. A caminhada cristã na história: A bíblia, a igreja e a sociedade ontem e hoje. Viçosa-MG: Ultimato, 2005.

NICODEMUS, Augustus. Cristianismo na Universidade. São Paulo: Vida Nova, 2019.

NUNES, César. Ide ensinai tudo a todos: 500 anos da Pedagogia Luterana. Porto Alegre-RS: Concórdia, 2017.

OLIVEIRA, F. A. Reflexões críticas sobre Weltanschauung: uma análise do processo de formação e compartilhamento de cosmovisões numa perspectiva teo-referente. In: Fides Reformata XIII:1 (2008), p. 31, nota 1.)

PEARCEY, Nancy R.; THAXTON, Charles B. A alma da ciência: Fé Cristã e Filosofia Nagtural. São Paulo: Cultura Cristã, 2005.

PEARCEY, Nancy. Verdade absoluta: libertando o cristianismo de seu cativeiro cultural. Rio de Janeiro: CPAD, 2006.

PEREIRA, Meira Chaves. Educação e Didática em Comenius. In: Revista de Formación e Inovación Educativa Universitária. v. 9, n. 2. Vigo: Educacion Editora, 2016.

SANTOS, Oscar Marreta dos. As contribuições de Comenius para a formação de professores em nível médio na modalidade normal. In: Cadernos PDE V. II Curitiba-PR : SEE, 2016.

SANTOS, Oscar Marreta dos. Os desafios da escola pública paranaense na perspectiva do professor PDE Produções Didático-Pedagógicas. Curitiba-PR: Secretaria Estadual de Educação, 2016.

SAVIANI, Dermeval. História das ideias pedagógicas no Brasil. 4. ed. Campinas-SP: Autores Associados, 2013.

SILVA, Roge Cavalcanti da; SALDANHA, Gustavo Silva. Uma “impressão histórico-bibliográfica” sobre Comenius: da cultura à cultura impressa na obra comeniana In CID. Ribeirão Preto, v. 8, n. 1, p. 4-23, mar./ago. 2017.

SIRE, James W. O universo ao lado: Um Catálogo Básico sobre Cosmovisão. 5. Ed. Brasília-DF: Monergismo, 2018.

SOUZA, Rodolfo Amorim Carlos de. Cosmovisão: evolução do conceito e aplicação cristã. In: LEITE, Cláudio A. C.; CARVALHO, Guilherme Vilela de; CUNHA, Maurício José Silva. Cosmovisão Cristã e Transformação: espiritualidade, razão e ordem social. Viçosa: Ultimato, 2006.

TEIXEIRA, Juliana Cristina; ZANOTELLI, Eduardo José; CARRIERI, Alexandre de Pádua. A Importância dos Clássicos na Formação do Pesquisador: o que nos diz Conceitos de Socialização, Identificação e Campo Intelectual como Campo de Poder. In: Revista de Ciências da Administração. v. 16, n. 38. Florianópolis-SC: UFSC, 2014.

VAN TIL, Henry. O conceito calvinista de cultura. São Paulo: Cultura Cristã, 2010.

WEBER, Max. A ética protestante e o espírito do capitalismo. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

Arquivos adicionais

Publicado

2020-12-01

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)