Revista Desenvolvimento Social No 12/01, 2014. (ISSN 2179-6807) 79 PENSAMENTO SOCIAL NA LITERATURA: LOBATO, ETNIA E CONTRAPONTOS

Autores

  • Aurora Cardoso de Quadros Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES
  • Jéssica Aparecida Souza Santos Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES
  • Aline Nunes Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES

Palavras-chave:

Lobato, Eugenesia, Pensamiento social e Literatura

Resumo

O escritor Monteiro Lobato, que se celebrizou tanto pela sua obra literária, quanto pelo pensamento ácido e inflexível, como na crítica que fez à obra de Anita Malfatti e na caricatura do sertanejo “Jeca Tatu”, volta a chocar no ano de 2011. Dessa vez, em dimensão ampliada, a partir de reportagem da Revista BRAVO!, que trata da existência de cartas em que o escritor defenderia a eugenia. No intuito de investigar o pensamento do escritor, veiculado pelas cartas, e buscar reflexos desse pensamento em sua ficção, este trabalho pontua alguns aspectos das duas vertentes, ficcional e individual, buscando algumas convergências e divergências.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BOSI, Alfredo: “Monteiro Lobato”, em História concisa da literatura brasileira, São Paulo: Cultrix, 2001, p. 216.
BENJAMIN, Walter. O autor como produtor. In: Magia e técnica, Arte e política, p. 120-136.
BRITO, Mário da Silva. História do Modernismo Brasileiro: Antecedentes da Semana de Arte Moderna. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira. 1978.
LOBATO, Monteiro. Urupês. In:Urupês. São Paulo: Globo, 2007, p. 166-177.
__________. Negrinha. São Paulo: Brasiliense. 1956 .
___________. A Barca de Gleyre, São Paulo: Editora Brasiliense. 1956 2 vol.
___________. Histórias de tia Nastácia. Ed. Brasiliense: São Paulo. 1957.
Parecer CNE/CEB nº 15/2010.
NIGRI, André. Monteiro Lobato e o racismo. In: BRAVO!, São Paulo: Editora Abril, maio de 2011, n. 165, p. 24-33.
PAREYSON, Luigi. A arte e outras atividades. In: Problemas da estética. São Paulo: Martins Fontes, 1997, p. 34-38.
SCOTT, Joan Wallach. Gênero: uma categoria útil de análise histórica. In: Educação e Realidade. Nº 2, Porto Alegre: UFRGS, 1990.

Downloads

Publicado

2020-04-14

Como Citar

Cardoso de Quadros, A. ., Aparecida Souza Santos, J., & Nunes, A. (2020). Revista Desenvolvimento Social No 12/01, 2014. (ISSN 2179-6807) 79 PENSAMENTO SOCIAL NA LITERATURA: LOBATO, ETNIA E CONTRAPONTOS. Revista Desenvolvimento Social, 12(2), 79-91. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/rds/article/view/1971

Edição

Seção

Artigos