Um estudo sobre a identidade profissional de futuros professores de Matemática no Estágio Curricular Supervisionado

Autores

DOI:

https://doi.org/10.46551/emd.e202035

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar os indícios constitutivos da identidade profissional de futuros professores de Matemática ao participarem de um grupo de estudos no âmbito do Estágio Curricular Supervisionado. A pesquisa, de cunho qualitativo, foi realizada em 2019 numa escola pública de Formiga (MG) e contou com a participação de dois alunos de um curso de Licenciatura em Matemática e seus supervisores de Estágio. Os dados discutidos neste texto foram produzidos por meio de narrativas escritas dos estagiários, gravações em áudio e vídeo dos encontros, avaliação e autoavaliação feita pelos licenciandos. As experiências formativas, vivenciadas pelos licenciandos nos estágios e no grupo de estudos, contribuíram para a manifestação de aspectos da identidade docente, como: emoção, autoconhecimento, autonomia e compromisso político. Também evidenciaram a importância de contextos formativos para o desenvolvimento da identidade profissional.

Palavras-chave: Educação Matemática. Formação inicial de professores de Matemática. Estágio Curricular Supervisionado. Identidade profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARREIRO, Iraíde Marques de Freitas; GEBRAN, Raimunda Abou. Prática de Ensino e Estágio Supervisionado na formação de professores. 2. ed. São Paulo: Avercamp, 2015.

CARNEIRO, Reginaldo Fernando. Narrativas no Estágio Supervisionado em Matemática como uma possibilidade para discussão da profissão docente. In: REUNIÃO ANUAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM EDUCAÇÃO, 37, 2015, Florianópolis. Anais da 37ª REUNIÃO ANUAL DA ANPEd. Florianópolis: ANPEd, 2015, p. 1-17.

CARVALHO, Anna Maria Pessoa. Os estágios nos cursos de licenciatura. São Paulo: Cengage Learning, 2017.

CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. Formação de professores que ensinam Matemática em comunidades de prática. In: CONGRESSO IBEROAMERICANO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 7, 2013, Montevideu. Actas del VII CIBEM. Montevideu: SEMUR, 2013, p. 5199-5206.

CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. Identidade profissional de (futuros) professores que ensinam Matemática. Perspectivas da Educação Matemática, Campo Grande, v. 10, n. 24, p. 699-712, dez. 2017.

CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. Mathematics teachers’ professional identity development in communities of practice: reifications of proportional reasoning teaching. Bolema, Rio Claro, v. 30, n. 54, p. 165-187, jan./abr. 2016.

DAY, Christopher. Pasión por enseñar: la identidade personal y professional del docente y sus valores. Madrid: Narcea, 2006.

DE PAULA, Enio Freire; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. Identidade profissional de professores que ensinam Matemática: panorama de pesquisas brasileiras entre 2001-2012. Zetetiké, Campinas, SP, v. 25, n. 1, p. 27-45, jan./abr. 2017.

DE PAULA, Enio Freire; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. Perspectivas de identidade profissional de professores que ensinam Matemática presentes em dissertações e teses brasileiras. In: CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. (Org.). Temáticas emergentes de pesquisas sobre a formação de professores que ensinam Matemática: desafios e perspectivas. Brasília: SBEM, 2018, p. 125-153.

GARCÍA, Carlos Marcelo; GALLEGO-DOMÍNGUEZ, Carmen. ¿Quién soy yo como maestro? Construcción de la identidad profesional em docentes principiantes. In: CANTÓN MAYO, Isabel, TARDIF, Maurice. (Coord.). Identidad profesional docente. Madrid: Narcea Ediciones, 2018, p. 45-56.

KELCHTERMANS, Geert. Who I am in how I teach is the message: selfunderstanding, vulnerability and reflection. Teachers and Teaching: theory and practice. v. 15, n 2, p. 257-272, 2009.

LOPES, Celi Espasandin; TRALDI JR., Armando; FERREIRA, Ana Cristina. Perspectivas para o estágio como espaço para a aprendizagem docente. In: LOPES, Celi Espasandin; TRALDI JR., Armando; FERREIRA, Ana Cristina. (Org.). O Estágio na formação inicial do professor que ensina matemática. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2015, p. 173-178.

OLIVEIRA, Hélia Margarida; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. A formação inicial de professores de Matemática em Portugal e no Brasil: narrativas de vulnerabilidade e agência. Interacções, Santarém, v. 7, n. 18, p. 104-130, 2011.

PELLETIER, France; MORALES-PERLAZA, Adriana. Saber e identidad en la profesión docente: de la identidade de estudiante a la de docente principiante. In: CANTÓN MAYO, Isabel; TARDIF, Maurice. (Coord.). Identidad profesional docente. Madrid: Narcea Ediciones, 2018, p. 57-73.

PIMENTA, Selma Garrido. Formação de professores: identidade e saberes da docência. In: PIMENTA, Selma Garrido. (Org.). Saberes pedagógicos e atividade docente. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2005, p. 15-34.

PIMENTA, Selma Garrido; LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e docência. 7. ed. São Paulo: Cortez, 2012.

PINEAU, Gaston. A autoformação no decurso da vida: entre a hetero e a ecoformação. In: NÓVOA, António; FINGER, Matthias. (Org.). O método (auto)biográfico e a formação. Tradução de Maria Nóvoa. 2. ed. Natal: EdUFRN, 2014, p. 91-109.

RODRIGUES, Paulo Henrique; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. A identidade profissional na formação inicial de professores de Matemática. In: DE PAULA, Enio Freire; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. (Org.). Identidade profissional de professores que ensinam Matemática em contextos de formação. São Paulo: Pimenta Cultural, 2020, p. 69-95.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA (SBEM). Subsídios para a discussão de propostas para os cursos de Licenciatura em Matemática: uma contribuição da Sociedade Brasileira de Educação Matemática. Brasília: SBEM, 2003.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Tradução de Francisco Pereira. 17. ed. Petrópolis: Vozes, 2014.

TEIXEIRA, Bruno Rodrigo; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. O estágio de observação e o desenvolvimento da identidade profissional docente de professores de Matemática em formação inicial. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, v. 16, n. 2, p. 599-622, maio/ago. 2014.

TEIXEIRA, Bruno Rodrigo; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. O Estágio de Regência como contexto para o desenvolvimento da identidade profissional docente de futuros professores de Matemática. Alexandria, Florianópolis, v. 8, n. 3, p.131-149, nov. 2015a.

TEIXEIRA, Bruno Rodrigo; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. O estágio supervisionado como oportunidade de desenvolvimento profissional para futuros professores de Matemática. In: LOPES, Celi Espasandin; TRALDI JR., Armando; FERREIRA, Ana Cristina. (Org.). O Estágio na formação inicial do professor que ensina matemática. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2015b, p. 81-112.

YIN, Robert K. Pesquisa qualitativa do início ao fim. Tradução de Daniel Bueno. Porto Alegre: Penso, 2016.

Arquivos adicionais

Publicado

2020-07-28

Edição

Seção

Dossiê — Formação de professores que ensinam Matemática