HISTÓRIAS SOBRE A PRÁTICA DE LÍNGUA INGLESA NO AMBIENTE ONLINE

A CONSTRUÇÃO DO CURRÍCULO EM UM GRUPO NO FACEBOOK

Autores

  • Geralda dos Santos Ferreira

Palavras-chave:

Facebook, Pesquisa Narrativa, Ensino de língua inglesa.

Resumo

Por muito tempo, em minhas aulas de língua inglesa, procurei   priorizar o livro didático sem me atentar para as reais necessidades de meus alunos. No entanto, uma experiência com meus alunos, no ambiente online, trouxe novas perspectivas. Portanto, nesse artigo, narro minha experiência com meus alunos, em um grupo formado no Facebook para a prática de língua inglesa. Meu objetivo é analisar a construção do currículo de língua inglesa em um contexto diferente do tradicional. Nesse estudo, percorro o caminho da pesquisa narrativa para compreender a experiência vivenciada com meus alunos no Facebook.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BERGE, Z. L. New roles for learners and teachers in online higher education. Baltimore, 2000. p. 3. Disponível em: https://www.academia.edu/29015819/New_Roles_for_Learnern. Acesso em: 30 de novembro de 2019.

CLANDININ, D. J.; CONNELLY, F.M. Pesquisa Narrativa: Experiência e História em Pesquisa Qualitativa. Tradução GPNEP. Edufu, Uberlândia, 2015. 249 p.

CLANDININ, D. J.; CONNELLY, F.M. Teachers as Curriculum Planners: Narratives of Experience. New York: Teachers College Press, 1988. 231 p.

DEWEY, J. Experiência e Educação. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1976. 101 p.

ELY, M.; VINZ, R.; DOWNING, M.; ANZUL, M. On writing qualitative research: living by words. London and Philadelfia: Routledge Falmer, 2001. 411 p.

FERREIRA, G.S. A Tecnologia Digital e o Ensino de Língua Inglesa. - 2014. 126 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Linguísticos) – ILEEL, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.
FOSHAY, A. W. 1969. Curriculum. In: R. I. Ebel (Eds). Encyclopedia of educational research: A project of the American Educational Research Association. 4. ed. New York: Macmillan, 1969. p. 5-19.

FREIRE, P. Educação como prática da liberdade. São Paulo: Paz e Terra, 1983. 150 p.

GOOD, C. V. Dictionary of education. 2. ed. New York: McGraw-Hill, 1959.

MELLO, D. M. Histórias de Subversão do currículo, conflitos e resistências: Buscando espaço para a formação do professor na aula de Língua Inglesa do Curso de Letras. -2005. 225 f. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem) - LAEL, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.

RUGG, H.O. Foundations of American education (1st.). Yonkers-on-Hudson, NY: World Book Company, 1947.

SCHWAB, J. J. Science, Curriculum, and Liberal Education – Selected Essays. Chicago & London, The University of Chicago Press, 1978.

SMITH, B. O. Fundamental of curriculum development. New York: Harcourt, Brace and World, 1957.

TABA, H. Curriculum Development: Theory and practice. New York: Harcourt, Brace and World, 1962.

Downloads

Publicado

2020-03-25

Como Citar

dos Santos Ferreira, G. (2020). HISTÓRIAS SOBRE A PRÁTICA DE LÍNGUA INGLESA NO AMBIENTE ONLINE: A CONSTRUÇÃO DO CURRÍCULO EM UM GRUPO NO FACEBOOK . Revista Ciranda, 4(1), 107-124. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/ciranda/article/view/1578

Edição

Seção

Artigos