Apresentação do Dossiê | Trajetórias nas universidades: Experiências da lei de cotas, transformações políticas e epistemológicas

Dossier Presentation | Trajectories in universities: Experiences of the lei de cotas, political and epistemological transformations

Autores

DOI:

https://doi.org/10.46551/issn2179-6807v28n2p3-10

Palavras-chave:

Apresentação, Dossiê temático

Resumo

A Revista Desenvolvimento Social (RDS) apresenta, nesta edição, o Dossiê temático "Trajetórias nas universidades: Experiências da lei de cotas, transformações políticas e epistemológicas", organizado por Camila Mainardi (UFG), Marta Quintiliano (UFG) e Jacqueline da Silva Costa (UNILAB).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Camila Mainardi, Universidade Federal de Goiás (UFG)

Doutora em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo, professora na Faculdade de Ciências Sociais e no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Goiás. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-9161-0688. E-mail: camilamainardi@gmail.com

Marta Quintiliano, Universidade Federal de Goiás (UFG)

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Goiás. ORCID: https://orcid.org/0000-0003-0086-6667. E-mail: carpemubuntu@gmail.com

Jacqueline da Silva Costa, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB)

Doutora em Sociologia pela Universidade Federal de São Carlos, professora do Bacharelado Interdisciplinar em Humanidades e do Curso de Pedagogia na Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira e do Mestrado Interdisciplinar em Humanidades. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-6257-1288. E-mail: jacquelinecosta.sol@unilab.edu.br

Referências

BRASIL. Lei n. 12.711, de 29 de agosto de 2012. Dispõe sobre o ingresso nas universidades federais e nas instituições federais de ensino técnico de nível médio e dá outras providências. Diário Oficial da União: Brasília, 2012. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12711.htm.

BRASIL. Lei n. 13.409 de 28 de dezembro de 2016. Altera a Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012, para dispor sobre a reserva de vagas para pessoas com deficiência nos cursos técnico de nível médio e superior das instituições federais de ensino. Diário Oficial da União: Brasília, 2016. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2016/lei/l13409.htm.

GOMES, Nilma Lino. “O movimento negro no Brasil: ausências, emergências e a produção dos saberes”. Política e Socidade, v. 10 n. 18, 2011, p. 133-154.

GOMES, Nilma Lino; SILVA, Paulo Vinícius Baptista da; e BRITO, José Eustáquio de. “Ações afirmativas de promoção da igualdade racial na educação: lutas, conquistas e desafios”. Educação & Sociedade, v. 42, 2021.

HERINGER, Rosana e CARREIRA, Denise (orgs). 10 anos da Lei de Cotas: conquistas e perspectivas. Rio de Janeiro: Faculdade de Educação UFRJ / Ação educativa, 2022.

IBGE. Os Indígenas no Censo Demográfico 2010. Primeiras considerações com base no quesito cor ou raça. Rio de Janeiro, 2012. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/indigenas/indigena_censo2010.pdf. Acesso em 07 de dezembro de 2022.

MEDAETS, Chantal; ARRUTI, José Maurício e LONGO, Flávia 2022. “O crescimento da presença indígena no ensino superior”. Nexo Políticas Públicas. 01 de setembro de 2022. Disponível em: https://pp.nexojornal.com.br/opiniao/2022/O-crescimento-da-presen%C3%A7a-ind%C3%ADgena-no-ensino-superior. Acesso em 09 de dezembro de 2022.

MELLO, Luiz. “Ações afirmativas para pessoas negras na pós-graduação: ausências, propostas e disputas”. Revista Argumentos, Montes Claros, v.18, n.1, 2021. Disponível em: https://doi.org/10.32887/issn.2527-2551v18n1p.94-126.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Portaria Normativa nº 13, de 11 de maio de 2016. Dispõe sobre a indução de Ações Afirmativas na Pós-Graduação, e dá outras providências.

SENKEVICS, Adriano Souza; MELL, Ursula Mattioli. “Quais cursos de graduação foram mais transformados pelas cotas?”. Nexo Políticas Públicas, 17 de agosto de 2022. Disponível em: https://pp.nexojornal.com.br/opiniao/2022/Quais-cursos-de-gradua%C3%A7%C3%A3o-foram-mais-transformados-pelas-cotas. Acesso em 07 de dezembro de 2022.

VENTURINI, Anna Carolina e FERES JUNIOR, João. “Política de ação afirmativa na pós-graduação: o caso das universidades públicas”. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 50, n. 177, pp. 882-909, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.1590/198053147491

VENTURINI, Anna Carolina. Ação afirmativa na pós-graduação: os desafios da expansão de uma política de inclusão. Tese (Doutorado em Ciência Política). Centro de Ciências Sociais. Universidade do Estado do Rio de Janeiro, p.325, 2019

Downloads

Publicado

2022-12-20

Como Citar

MAINARDI, C.; QUINTILIANO, M.; DA SILVA COSTA, J. Apresentação do Dossiê | Trajetórias nas universidades: Experiências da lei de cotas, transformações políticas e epistemológicas: Dossier Presentation | Trajectories in universities: Experiences of the lei de cotas, political and epistemological transformations. Revista Desenvolvimento Social, [S. l.], v. 28, n. 2, p. 3–10, 2022. DOI: 10.46551/issn2179-6807v28n2p3-10. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/rds/article/view/6115. Acesso em: 29 jan. 2023.