UMA REFLEXÃO SOBRE SIGNIFICADOS DA AUTO-IMAGEM DO CATADOR

Autores

  • Rogéria Alves da Silveira Universidade Estadual de Montes Claros
  • Felipe Teixeira Martins Universidade Estadual de Montes Claros

Palavras-chave:

reconhecimento, auto-imagem, catadores de materiais recicláveis

Resumo

Este estudo propõe reflexões acerca de significados da imagem do catador de materiais recicláveis, fornecidas por eles. Interessou-nos como o qualificativo do trabalho que exercem está implicado nessa imagem. Os catadores são pessoas que tomaram as ruas das cidades para garantir sua sobrevivência – triando e vendendo materiais recicláveis e reutilizáveis – devido às condições de pobreza e miséria nas quais vivem. Refletimos sobre informações coletadas por pesquisa empírica, analisamos a auto-imagem do catador e sua percepção de como os outros os vêem, encadeando considerações teóricas, embasadas em Jessé Souza, que procuram desvelar condições invisibilizadas no discurso. A aparente liberdade e autonomia dos catadores podem ser entendidas, nesse sentido, como falta de qualificações disposicionais (auto-disciplina, auto-controle, pensamento prospectivo) para se inserirem em organizações modernas do trabalho, o que os impedem de se realizarem plenamente por meio do trabalho, isto é, serem dignos de valor por si, de serem reconhecidos e respeitados. Essas disposições proporcionam a condição para que haja reconhecimento social através do princípio da dignidade. Este está calcado na valoração que o trabalho proporciona àquele que pode realizá-lo, se tiver as condições elementares para tal. Assim, a partir desse aporte teórico pudemos realizar uma re-leitura interessante das imagens trazidas pelos catadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-04-03

Como Citar

ALVES DA SILVEIRA, R. .; TEIXEIRA MARTINS, F. . UMA REFLEXÃO SOBRE SIGNIFICADOS DA AUTO-IMAGEM DO CATADOR. Revista Desenvolvimento Social, [S. l.], v. 13, n. 1, p. 133–144, 2020. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/rds/article/view/1787. Acesso em: 22 jun. 2024.