DO UNIVERSO DA NARRATIVA LITERÁRIA AO ABISMO DA MISERABILIDADE HUMANA: FRAGMENTOS DE UMA ANÁLISE PROPOSTA DA OBRA DE GORKI, A MÃE

Autores

  • Cristiane Diniz Barbosa

Palavras-chave:

Literatura, Gorki, Pobreza dos trabalhadores.

Resumo

A (re) leitura da obra de Gorki proporcionou reflexão e deslumbrou o universo da arte. Por seus detalhes e referências à Rússia do século XX, não foi difícil encarar a tarefa de associá-la às relações de trabalho e à pobreza desmedida dos trabalhadores. Se a ausência do que o autor não revelou cobre a genialidade da obra magistral, é percebível que Gorki soube através da arte revelar e esconder parte dos infortúnios e sofrimentos imerecidos e ilimitados dos homens. Nesse universo de “coisificação” do ser humano, de exploração bravia das relações de trabalho, sejam estes trabalhadores advindos das cidades ou do trabalho servil dos campos de concentração russos, uma vez abatidos pelo regime aviltante e odioso e enfraquecidos pela miserabilidade, muitas vezes não tinham força para opor-se ao Leviatã silencioso que os esmagava. Por esse ângulo, a própria literatura é incitada a participar, a transformar a sociedade através da “verdade na arte”. Nesse sentido, não seria a literatura por ela mesma, mas “pelo social”. Mas até que ponto ocorreria tais aproximações ou distanciamentos, isso é o que pretendemos extremar. Pensando nisto, a metodologia desse estudo pode ser caracterizada como de natureza bibliográfica e exploratória, procurando tecer algumas considerações referentes ao tema proposto

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2020-03-26

Como Citar

Diniz Barbosa, C. (2020). DO UNIVERSO DA NARRATIVA LITERÁRIA AO ABISMO DA MISERABILIDADE HUMANA: FRAGMENTOS DE UMA ANÁLISE PROPOSTA DA OBRA DE GORKI, A MÃE. Revista Desenvolvimento Social, 1(6). Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/rds/article/view/1622

Edição

Seção

Artigos