“OCUPAR E RESISTIR”: NARRATIVAS JUVENIS NAS OCUPAÇÕES DE ESCOLAS PÚBLICAS

Autores

  • Idalécia Soares Correia Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES)
  • Andréa Jakubaszko Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES)
  • Fabiano José Alves de Souza Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES)

Resumo

O artigo apresenta narrativas dos estudantes sobre as suas percepções acerca das suas vivências durante a ocupação da Escola Estadual Monsenhor Gustavo, situada na cidade de Montes Claros, Norte do Estado de Minas Gerais. O instrumento metodológico utilizado foi a entrevista em profundidade realizada um ano após o evento. A partir de uma breve reflexão teórica a experiência desses adolescentes e jovens é compreendida como uma ação coletiva no âmago do movimento estudantil. A análise enfoca as mudanças salientadas pelos jovens em relação a identidade individual e coletiva, as relações com a escola e a comunidade, as tensões vivenciadas, e reflete sobre as contribuições dessa ação juvenil para mudanças na cultura e na política.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-03-13

Como Citar

SOARES CORREIA, I. .; JAKUBASZKO, A. .; JOSÉ ALVES DE SOUZA, F. . “OCUPAR E RESISTIR”: NARRATIVAS JUVENIS NAS OCUPAÇÕES DE ESCOLAS PÚBLICAS. Revista Desenvolvimento Social, [S. l.], v. 23, n. 1, p. 139–150, 2020. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/rds/article/view/1299. Acesso em: 30 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos