ACIDENTES OCUPACIONAIS E CAPACITAÇÕES EM SERVIÇO POR PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM DE UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

Autores

  • Clara Braga Pires Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)
  • Gabriel Felipe Albuquerque Barbosa Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)
  • Gustavo Silva Costa Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)
  • Samuel Trezena Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes).
  • Harley Medawar Leão Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)
  • Edwaldo de Souza Barbosa Júnior Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)
  • Simone de Melo Costa Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)
  • Mânia de Quadros Coelho Pinto Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

DOI:

https://doi.org/10.46551/ruc.v24n1a2

Resumo

Objetivo: verificar as ocorrências de acidentes ocupacionais e capacitações em serviço por profissionais de enfermagem. Método: estudo transversal descritivo, realizado com 202 técnicos em enfermagem de um hospital universitário, no norte de Minas Gerais, Brasil. Utilizou-se questionário para coleta de dados, com variáveis sobre perfil do trabalhador, acidentes ocupacionais e capacitações em serviço. Resultados: do total dos participantes, 70,8% eram do sexo feminino, com idade média de 40,72 anos. A maioria trabalhava em plantões de 12 horas (84,7%) e 43,6% já sofreram acidente com exposição a material biológico, sendo o protocolo diante desse acidente desconhecido pela maioria (57,4%). A atualização sobre acidentes ocupacionais não foi efetuada no serviço (65,3%). No ambiente de trabalho, a postura inadequada foi relatada por 86,6%, o risco de contato com sangue por 96,0% e o risco físico relacionado ao barulho foi relatado por 83,7%. Conclusão: os profissionais estão expostos aos riscos ocupacionais, contudo desconhecem o protocolo de acidentes em serviço. Sugere-se que instituições empregadoras dediquem atenção à saúde do trabalhador, adequem espaços e promovam capacitações de vigilância em saúde, no ambiente de trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Clara Braga Pires, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

Mestranda em Cuidado Primário em Saúde pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Montes Claros – MG – Brasil. https://orcid.org/0000-0002-5260-2279.

Gabriel Felipe Albuquerque Barbosa, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

2Cirurgião-dentista pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Montes Claros – MG – Brasil. https://orcid.org/0000-0003-3351-7973.

Gustavo Silva Costa, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

Mestrando em Cuidado Primário em Saúde pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Montes Claros – MG – Brasil. Endereço para correspondência: samueltrezena@gmail.com. https://orcid.org/0000-0002-4217-1276.

Samuel Trezena, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes).

Mestrando em Cuidado Primário em Saúde pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Montes Claros – MG – Brasil. Endereço para correspondência: samueltrezena@gmail.com. https://orcid.org/0000-0002-4217-1276.

Harley Medawar Leão, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

Mestre em Ciência da Saúde pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Professor da Faculdades Integradas do Norte de Minas (Funorte), Faculdade de Saúde Ibituruna e do Centro Universitário FIPMoc. https://orcid.org/0000-0002-7960-0214.

Edwaldo de Souza Barbosa Júnior, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

6Mestre em Odontologia pelo Centro de Pesquisas Odontológicas São Leopoldo Mandic. Professor da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). https://orcid.org/0000-0002-7833-0654.

Simone de Melo Costa, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

Doutora em Odontologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Professora da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). https://orcid.org/0000-0002-0266-018X.

Mânia de Quadros Coelho Pinto, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes)

8Doutora em Ciências da Saúde pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Professora da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). https://orcid.org/0000-0002-6913-8695.

Referências

GOMEZ, Carlos Minayo.; VASCONCELLOS, Luiz Carlos Fadel de.; MACHADO, Jorge Mesquita Huet. Saúde do trabalhador: aspectos históricos, avanços e desafios no Sistema Único de Saúde. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeira, v. 23, n. 6, p. 1963-1970, 2018.

CARDOSO, Ana Cláudia.; MORGADO, Luciana. Trabalho e saúde do trabalhador no contexto atual: ensinamentos da enquete européia sobre condições de trabalho. Saúde e Sociedade, São Paulo, v. 28, n. 1, p. 169-181, 2019.

CARVALHO, Deciane Pintanela et al. Cargas de trabalho e os desgastes à saúde dos trabalhadores da enfermagem. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 72, n. 6, p. 1510-1516, 2019.

MENDES, Sandra Soares.; MARTINO, Milva Maria Figueiredo. Trabalho em turnos: estado geral de saúde relacionado ao sono em trabalhadores de enfermagem. Revista da Escola de Enfermagem da USP, São Paulo, v. 16, n. 6, p. VIEIRA71-1476, 2012.

RIBEIRO, Gerusa.; PIRES, Denise Elvira Pires de.; SCHERER, Magda Duarte dos Anjos. Práticas de biossegurança no ensino técnico de enfermagem. Trabalho, Educação e Saúde, Rio de Janeiro, v. 14, n. 3, p. 871-888, 2016.

CANINI, Silvia Rita Marin da Silva et al. Percutaneous injuries correlates in the nursing team of a brazilian tertiary-care university hospital. Revista Latino-Americana de Enfermagem, Ribeirão Preto, v. 16, n. 5, p. 818-823, 2008.

DONATELLI, Sandra et al. Acidente com material biológico: uma abordagem a partir da análise das atividades de trabalho. Saúde e Sociedade, São Paulo, v. 24, n. 4, p. 1257-1272, 2015.

LIMA, Ronaldo de Oliveira et al. Acidentes de trabalho com exposição a material biológico: ocorrências em profissionais de saúde em um hospital geral. Revista Baiana de Saúde Pública, Salvador, v. 40, n. 4, p. 821-831, 2016.

GALLAS, Samanta Rauber.; FONTANA, Rosane Teresinha. Biossegurança e a enfermagem nos cuidados clínicos: contribuições para a saúde do trabalhador. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 63, n. 5, p. 786-792, 2010.

RODRIGUES, Pollyanna Salles et al. Acidente com material biológico: percepção dos profissionais de enfermagem de serviço de emergência. Revista Prevenção de Infecção e Saúde, Ribeirão Preto, v. 3, n. 1, p. 23-28, 2017.

VIEIRA, Mariana.; PADILHA, Maria Itayra.; PINHEIRO, Regina dal Castel. Análise dos acidentes com material biológico em trabalhadores da saúde. Revista Latino-Americana de Enfermagem, Ribeirão Preto, v. 19, n. 2, 08 p., 2011., 2011; 19(2): 08.

VALIM, Marília Duarte.; MARZIALE, Maria Helena Palucci. Avaliação da exposição ocupacional a material biológico em serviço de saúde. Texto & Contexto – Enfermagem, Florianópolis, v. 20, n. esp, p. 138-146, 2011.

MAGNANO, Tânia Solange Bosi de Souza et al. Condições de trabalho, características sociodemográficas e distúrbios musculoesqueléticos em trabalhadores de enfermagem. Acta Paulsta de Enfermagem, São Paulo, v. 23, n. 2, p. 187-193, 2010.

PEREIRA, Sandra de Souza et al. A relação entre estressores ocupacionais e estratégias de enfrentamento em profissionais de nível técnico de enfermagem. Texto & Contexto – Enfermagem, Florianópolis, v. 25, n. 4, p. e2920014, 2016.

ROCHA, Roseany Patrícia Silva et al. Características do trabalho e estresse ocupacional entre enfermeiros hospitalares. Enfermagem em Foco, Salvador, v. 10, n. 5, p. 51-57, 2019.

ROCHA, Suelen Ferreira et al. Estilo de vida dos trabalhadores da saúde atuantes no norte de Minas Gerais. Enfermagem em Foco, Salvador, v. 10, n. 5, p. 143-148, 2019.

OLIVEIRA, Adriana Cristina.; DAMASCENO, Quésia Souza. O papel do ambiente hospitalar na disseminação de bactérias resistentes. Journal of Epidemiology and Infection Control, Santa Cruz do Sul, v. 2, n. 1, p. 28-31, 2012.

SZNELWAR, Laerte Idal et al. Análise do trabalho e serviço de limpeza hospitalar: contribuições da ergonomia e da psicodinâmica do trabalho. Revista Produção, Florianópolis, v. 14, n. 3, p. 45-57, 2004.

GARBACCIO, Juliana Ladeira et al. Acidentes ocupacionais com a equipe de enfermagem da atenção hospitalar. Revista Cogitare Enfermagem, Curitiba, v. 20, n. 1, p. 146-152, 2015.

CARVALHO, Dayra Cabral et al. Acidentes de trabalho com material biológico na equipe de enfermagem de um hospital do Centro-Oeste brasileiro. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, Rio de Janeiro, v. 11, n. 1, p. e20170140, 2018.

SILVA, Juliana Azevedo et al. Investigação de acidentes biológicos entre profissionais de saúde. Escola Anna Nery Revista de Enfermagem, Rio de Janeiro, v. 13, n. 3, p. 508-516, 2009. 2009; 13(3): 508 – 516.

LUZ, Emanuelli Mancio Ferreira et al. Caracterização dos acidentes de trabalho ocorridos com trabalhadores de um hospital universitário. Revista de Enfermagem da UFSM, Santa Maria, v. 3, n. 2, p. 215-2266, 2013.

OLIVEIRA, Elizarbio Carneiro et al. Análise epidemiológica de acidentes de trabalho com exposição a material biológico entre profissionais de enfermagem. Sanare – Revista de Políticas Públicas, Sobral, v. 14, n. 1, p. 27-32, 2015.24.

LUBENOW, Juliana Almeida Marques.; MOURA, Maria Eliete Batista. Condutas adotadas por técnicos em enfermagem após sofrerem acidentes com materiais perfurocortantes. Revista de Enfermagem UFPE online, Recife, v. 7, n. 2, p. 381-388, 2013.

MACHADO, Maria do Rosário Mascaro.; MACHADO, Fernando de Almeida. Acidentes com material biológico em trabalhadores de enfermagem do Hospital Geral de Palmas (TO). Revista Brasileira de Saúde Ocupacional, São Paulo, v. 36, n. 124, p. 274-281, 2011.

LOUREIRO, Lívia Agy et al. Adesão de profissionais de enfermagem ao seguimento clínico após exposição ocupacional com material biológico. Revista Eletrônica de Enfermage, Goiás, v. 11, n. 2, p. 303-308, 2009.

PAIVA, Maria Henriqueta Rocha Siqueira.; OLIVEIRA, Adriana Cristina. Fatores determinantes e condutas pós-acidente com material biológico entre profissionais do atendimento pré-hospitalar. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 64, n. 2, p. 268-27, 2011.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Coordenação Geral de Desenvolvimento da Epidemiologia em Serviços. Guia de Vigilância em Saúde: 3ª ed., volume único; Brasília – DF, 2019.

Downloads

Publicado

2022-04-07

Como Citar

BRAGA PIRES, C.; FELIPE ALBUQUERQUE BARBOSA, G.; SILVA COSTA, G.; TREZENA, S.; MEDAWAR LEÃO, H.; DE SOUZA BARBOSA JÚNIOR, E.; DE MELO COSTA, S.; DE QUADROS COELHO PINTO, M. ACIDENTES OCUPACIONAIS E CAPACITAÇÕES EM SERVIÇO POR PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM DE UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO. Revista Unimontes Científica, [S. l.], v. 24, n. 1, p. 1–12, 2022. DOI: 10.46551/ruc.v24n1a2. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/unicientifica/article/view/5054. Acesso em: 12 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)