SUPERVISÃO DIRETA DE ESTÁGIO E OS INSTRUMENTOS NORMATIVOS

REFLEXÕES SOBRE A FORMAÇÃO E O EXERCÍCIO PROFISSIONAL NO SERVIÇO SOCIAL

Autores

  • Greice dos Reis Santos Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Marina Valéria Delage Vicente Mancini Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Victoria Sabatine de Paiva Neves Assistente Social na Prefeitura de Juiz de Fora, docente no curso de graduação em Serviço Social da Universo, experiência na supervisão acadêmica de estágio e supervisora de campo. Preceptora da Residência Multiprofissional em Saúde Mental da UFJF/HU/EBSERH. Doutoranda em Serviço Social da UFRJ

DOI:

https://doi.org/10.46551/rssp.202014

Palavras-chave:

Estágio Supervisionado. Serviço Social. Supervisão de campo. Teoria e Prática. Instrumentos Normativos.

Resumo

O artigo possui como propósito refletir sobre o estágio supervisionado em Serviço Social com ênfase na supervisão de campo. Para tanto, no intuito de cumprir com o objetivo proposto abordamos na primeira parte do artigo a relação entre teoria e prática e sua relevância no processo de formação dos futuros assistentes sociais, já num segundo momento trouxemos o debate acerca dos instrumentos normativos os quais respaldam o estágio supervisionado em Serviço Social e por fim elencamos com base em vivências profissionais e estudos, os desafios atuais que estão sendo colocados a supervisão de campo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENSINO E PESQUISA EM SERVIÇO SOCIAL - ABEPSS. Diretrizes Gerais para o Curso de Serviço Social - Com base no Currículo Mínimo aprovado em Assembleia Geral Extraordinária de 8 de novembro de 1996. Rio de Janeiro, Novembro de 1996. Disponível em: ABEPSS

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENSINO E PESQUISA EM SERVIÇO SOCIAL - ABEPSS. Política Nacional de Estágio da Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social - Abepss, maio 2010. Disponível em: PNE versao maio 2010 corrigida1

CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Legislação e Resoluções sobre o Trabalho do/a Assistente Social. Lei de Regulamentação da Profissão (Lei 8.662). Brasília: CFESS, 2011. Disponível em: www.cfess.org.br

CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Legislação e Resoluções sobre o Trabalho do/a Assistente Social. Código de Ética do/a Assistente Social. Brasília: CFESS, 2011. Disponível em: www.cfess.org.br

CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Legislação e Resoluções sobre o Trabalho do/a Assistente Social. Resolução CFESS 533/2008. Regulamenta a SUPERVISÃO DIRETA DE ESTÁGIO no Serviço Social. Brasília: CFESS, 2011. Disponível em: www.cfess.org.br

GUERRA, Y D. A Dimensão Técnico-operativa do exercício profissional. In: A dimensão técnico-operativa no Serviço Social: desafios contemporâneos. Juiz de Fora: Editora UFJF, 2012.

GUERRA, Y. D. O estágio supervisionado como espaço de síntese da unidade dialética entre teoria e prática: o perfil do profissional em disputa. In: A supervisão de estágio em serviço social: aprendizados, processos e desafios. Cláudia Mônica dos Santos, Alzira Maria Baptista Lewgoy, Maria Helena Elpídio Abreu, organizadoras da coletânea; Valeria Forti e Yolanda Guerra, coordenadoras da série. - Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2016.

IAMAMOTO, M. V. O Serviço Social na cena contemporânea. In: Serviço Social: Direitos Sociais e Competências Profissionais. Brasília: CFESS/ABEPSS, 2009

LEWGOY, A. M. B. O Estágio Supervisionado em Serviço Social. In:Temporalis, Brasília (DF), ano 13, n.25, p.63-90, jan./jun.2013.

PEREIRA, L. D. Expansão dos cursos de Serviço Social na modalidade EAD no Brasil: análise da tendência à desqualificação profissional. In: Serviço Social e Educação. Orgs.: Larissa Dahmer Pereira e Ney Luiz Teixeira de Almeida. Coordenação: Valeria Forti e Yolanda Guerra. 2ª edição. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2012.

SANTOS, C. M. As Dimensões da Prática Profissional do Serviço Social. In: Revista Libertas - Faculdade de Serviço Social - UFJF, v. 2 jul/dez/2002. Juiz de Fora: Ed. UFJF, 2003.

SANTOS, C. M; ABREU, M. H. E. Desafios do Estágio supervisionado na atualidade. In: Serviço Social e Educação. Orgs.: Larissa Dahmer Pereira e Ney Luiz Teixeira de Almeida. Coordenação: Valeria Forti e Yolanda Guerra. 2ª edição. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2012.

SANTOS, C. M. Na Prática a Teoria é Outra? Mitos e Dilemas na Relação entre Teoria, Prática, Instrumentos e Técnicas no Serviço Social. 3ª edição. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2013.

SANTOS, C. M. et al. Supervisão de estágio em serviço social: desafios e estratégias para sua operacionalização. In: A supervisão de estágio em serviço social: aprendizados, processos e desafios. Cláudia Mônica dos Santos, Alzira Maria Baptista Lewgoy, Maria Helena Elpídio Abreu, organizadoras da coletânea; Valeria Forti e Yolanda Guerra, coordenadoras da série. - Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2016.

Downloads

Publicado

2020-09-22

Como Citar

dos Reis Santos, G. ., Valéria Delage Vicente Mancini, M., & Sabatine de Paiva Neves, V. (2020). SUPERVISÃO DIRETA DE ESTÁGIO E OS INSTRUMENTOS NORMATIVOS : REFLEXÕES SOBRE A FORMAÇÃO E O EXERCÍCIO PROFISSIONAL NO SERVIÇO SOCIAL . Revista Serviço Social Em Perspectiva, 4(2), 22-44. https://doi.org/10.46551/rssp.202014