Hodgkin’s lymphoma: clinical and epidemiological aspects in the healthcare macroregions Of Minas Gerais, Brazil

Autores

  • Luiza Carneiro Souza Magalhães Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros FIP-MOC
  • Brenda Alves dos Santos Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros FIP-MOC
  • Joyce Queiroz Borges Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros FIP-MOC
  • Lucas Gedeon Mendes Soares Dantas Cangussu Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros FIP-MOC
  • Maria Alice Aires Costa Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros FIP-MOC
  • Karina Andrade de Prince Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros FIP-MOC
  • Carlos Eduardo Mendes D’Angelis Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES

Palavras-chave:

Hodgkin’s Disease; Epidemiology; Hospitalization; Doença de Hodgkin; Epidemiologia; Hospitalização.

Resumo

HODGKIN'S LYMPHOMA: CLINICAL AND EPIDEMIOLOGICAL ASPECTS IN THE HEALTHCARE MACROREGIONS OF MINAS GERAIS, BRAZIL

 

Abstract: Objective: To analyze the epidemiological profile of patients affected by Hodgkin’s lymphoma in Minas Gerais, Brazil. Methodology: This is a quantitative, transversal and descriptive epidemiological study, in which secondary data were evaluated from patients with Hodgkin’s lymphoma attended in healthcare services in the state of Minas Gerais from 2008 to 2017. Results: From 2008 to 2017 there was an increase of 190% in the number of hospitalizations, with predominance in the age group of 15 to 29 years (31.85%), in males (56.3%), in the brown race (45.12%) followed by the white race (33.24%), and a higher prevalence in the South Macroregion (37.6). Regarding the admissions, 48.47% were private and 20.00% in the public system. The mortality rate decreased from 9.19 in 2008 to 4.89 in 2017, but changed little in the age extremes. Conclusion: HL is present throughout Minas Gerais with a predominance in the South, Center, and Western Macroregions. Despite the increase in prevalence during the period, there was a decrease in the mortality rate in the age groups of higher involvement, mainly due to the advances in treatment. New studies are required due to the scarcity of data about this disease, which hinders its diagnosis and early treatment.

 

Resumo: Objetivo: Analisar o perfil epidemiológico de paciente acometidos com Linfoma de Hodgkin em Minas Gerais no período de 2008 a 2017. Metodologia: Trata-se um estudo epidemiológico quantitativo, transversal e descritivo, no qual se avaliou dados secundários de pacientes portadores de linfoma de Hodgkin internados em serviços de saúde no estado de Minas Gerais durante o período de 2008 a 2017. Resultados: No período de 2008 a 2017 houve um aumento de 190% no número de internações, havendo um predomínio entre os 15 e 29 anos (31,85%), no sexo masculino (56,3%), na cor/raça parda (45,12%) seguida pela cor/raça branca (33,24%) e uma maior prevalência na macrorregião sul (37,6). A respeito das internações, (48,47%) foram em regime privado e (20%) em regime público. A taxa de mortalidade diminuiu
de (9,19) em 2008 para (4,89) em 2017, mas sofreu pouca alteração nos extremos de idade. Conclusão: A LH está presente em todo território mineiro com predomínio nas macrorregiões sul, centro e oeste. Apesar do aumento da prevalência durante o período compreendido, houve diminuição da taxa de mortalidade nas faixas etárias de maior acometimento, principalmente devido aos avanços no tratamento. São necessários novos estudos tendo em vista a escassez de dados sobre a doença, o que por sua vez dificulta o diagnóstico e tratamento precoce.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-02-28

Como Citar

CARNEIRO SOUZA MAGALHÃES, Luiza; ALVES DOS SANTOS, Brenda; QUEIROZ BORGES, Joyce; GEDEON MENDES SOARES DANTAS CANGUSSU, Lucas; ALICE AIRES COSTA, Maria; ANDRADE DE PRINCE, Karina; EDUARDO MENDES D’ANGELIS, Carlos. Hodgkin’s lymphoma: clinical and epidemiological aspects in the healthcare macroregions Of Minas Gerais, Brazil. Revista Unimontes Científica, [s. l.], p. 336–345, 2020. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/unicientifica/article/view/1116. Acesso em: 23 jul. 2024.

Edição

Seção

II Congresso Nacional em Oncologia

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)