POBREZA, POLÍTICA E DISCURSO: CONSIDERAÇÕES SOBRE O PODER EPISTÊMICO DOS POBRES

Autores

  • ANELITO DE OLIVEIRA

Resumo

.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

COSTA, J.B.A. Cultura, Natureza e Populações Tradicionais. Revista Verde Grande. Montes Claros: Editora da Unimontes, v. 03, n. 3, 2005, p. 37-64.
. Fronteira regional no Brasil: o entre-lugar da identidade e do território baianeiros em
Minas Gerais. Sociedade e Cultura, v. 5, n. 1, jan./jun. 2003, p. 53-64.
DAYRELL, C. Os geraizeiros descem a serra ou a agricultura de quem não aparece nos relatórios dos agrobusiness. In: LUZ, C. e DAYRELL, C. (orgs.). Cerrado e Desenvolvimento: tradição e atualidade. Montes Claros: Max Gráfica e Editora, 2000, p.
189-272.
. Geraizeiros y Biodiversidad en el Norte de Minas Gerais: la contribuición de la agroecologia y de la etnoecologia en los estudios de los agroecossistemas. 214p. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais, Universidad Internacinal de Andalucía, Espanha,1998.
FREIRE, A. G. Águas do Jequitinhonha: a gestão coletiva dos recursos hídricos pelos agricultores de Turmalina – Alto Jequitinhonha/MG. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Lavras, Programa de Pós-Graduação em Administração Rural. Lavras, 2001.
GALIZONI, F. M. Águas da Vida: população rural, cultura e água em Minas. Dissertação (Mestrado em Sociologia) – Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais. Universidade Estadual de Capinas, Campinas, 2005.
GERVAISE, A. A Transformação Agrária do Norte Meridional: Norte de Minas. Belo Horizonte: UFMG/Instituto de Geo-Ciências/Departamento de Geografia (publicação especial n.º 1), 1975.
GRANJA, S.I.B.; WARNER, J. A hidropolítica e o federalismo: possibilidades de construção da subsidiariedade na gestão das águas no Brasil? Revista Adminstração Pública, Rio de Janeiro, v. 40, n. 6, 2006. Disponível em: <http://www.scielo.br/. Acesso em: 12/06/2006.
GRAZIANO DA SILVA, J. A modernização dolorosa: estrutura agrária, fronteira agrícola e trabalhadores rurais no Brasil. Rio de Janeiro: Zahar, 1982.
MARTINS, J.S.M. Capitalismo e tradicionalismo: estudos sobre as contradições da sociedade agrária no Brasil. São Paulo: Livraria Pioneira, 1975. 161p.
OLIVEIRA, A. U. de. Modo capitalista de produção e agricultura. São Paulo: Ática, 1986. PEREIRA, A. M., ALMEIDA, M. I. S. (orgs.). Leituras geográficas sobre o Norte de Minas Gerais. Montes Claros: Editora da Unimontes, 2004. 130p.
PORTO-GONÇALVES, C.W. A globalização da natureza e a natureza da globalização.
Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2006, 461p.
. As Minas e os Gerais – breve ensaio sobre desenvolvimento e sustentabilidade a partir da Geografia do Norte de Minas. In: LUZ, C. e DAYRELL, C. (orgs.). Cerrado e Desenvolvimento: tradição e atualidade. Montes Claros: Max Gráfica e Editora, 2000, p. 189-272.
RIBEIRO, R. F. História ecológica do sertão Mineiro e a formação do patrimônio cultural sertanejo. IN: LUZ, C. e DAYRELL, C. (orgs.). Cerrado e Desenvolvimento: tradição e atualidade. Montes Claros: Max Gráfica e Editora, 2000, p. 47-106.
RIBEIRO, E. M. Os costumes e a lei: normas de uso e conservação da água nas comunidades rurais dos semi-árido de Minas Gerais. In: III ENCONTRO DAS ÁGUAS, 2001, Chile. Anais do III Encontro das Águas. Santiago: Universidade Santiago de Compostela, Departamento de Engenharia Ambiental, 2001, p. 145-155.
. Práticas, preceitos, problemas associados à escassez da água no vale do Jequitinhonha, Minas Gerais. Disponível em: <http://www.abep.nepo.unicamp.br. Acessado em 07 out. de 2006.
SILVA, C. E. M. Cerrados e camponeses no Norte de Minas: um estudo sobre a sustentabilidade dos ecossistemas e das populações sertanejas. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Minas Gerais, Programa de Pós-Graduação em Geografia. Belo Horizonte, 1999.
. Desenvolvimento e Sustentabilidade nos Cerrados: o caso do sertão norte-mineiro. In: LUZ, C. e DAYRELL, C. (orgs.). Cerrado e Desenvolvimento: tradição e atualidade. Montes Claros: Max Gráfica e Editora, 2000, p. 273-305.

Downloads

Publicado

2020-03-24

Como Citar

DE OLIVEIRA, A. . POBREZA, POLÍTICA E DISCURSO: CONSIDERAÇÕES SOBRE O PODER EPISTÊMICO DOS POBRES. Revista Desenvolvimento Social, [S. l.], v. 1, n. 3, p. 159–181, 2020. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/rds/article/view/1552. Acesso em: 8 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos