TIPOS DE EMPREENDEDORES EM SHOPPING CENTERS: UM ESTUDO COMPARATIVO DE CASOS

Autores

  • Gilmar Chagas Fundação Dom Cabral - Programa de Mestrado Profissional em Administração
  • Anderson de Souza Sant’Anna Fundação Dom Cabral - Programa de Mestrado Profissional em Administração

Resumo

Este estudo tem como propósito investigar diferentes capitais - econômicos, sociais, culturais e simbólicos - mobilizados por empreendedores em dois centros de compras da cidade de Montes Claros (MG): o Quarteirão do Povo e o seu principal Shopping Center. O objetivo é melhor compreender diferenças e semelhanças entre essas duas modalidades de centros comerciais no que tange aos empreendimentos e perfis de seus empreendedores. Para tal, foi conduzida pesquisa qualitativa por meio da realização de trinta entrevistas em profundidade com empreendedores locais, contemplando as categorias teóricas do estudo, em particular as noções de Campo, Habitus e Capitais de Boudieu (2008). Quanto aos achados do estudo, constata-se uma diversidade de tipos de empreendimentos, bem como diferentes níveis de experiência, de escolaridade, histórias e perfis de gestão dos empreendedores investigados. Observa-se, também, a predominância de dois tipos de empreendedores: os Tradicionais e os Modernos. No caso do Quarteirão do Povo, predominando ambos esses tipos, e no Shopping Center, dominando o Empreendedor Moderno. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-03-13

Como Citar

CHAGAS, G.; DE SOUZA SANT’ANNA, A. . TIPOS DE EMPREENDEDORES EM SHOPPING CENTERS: UM ESTUDO COMPARATIVO DE CASOS. Revista Desenvolvimento Social, [S. l.], v. 23, n. 1, p. 181–198, 2020. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/rds/article/view/1301. Acesso em: 20 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos