A construção da ‘capital brasileira da aventura’: a transformação da cidade de Brotas em destino turístico-esportivo nas décadas de 1980 e 1990

The construction of the ‘Brazilian capital of adventure’: the transformation of the city of Brotas into a tourist-sports destination in the 1980s and 1990s

Autores

Palavras-chave:

Turismo, Esporte, Aventura, Cidade, Lazer

Resumo

O artigo objetivou analisar a transformação da cidade de Brotas, localizada no interior do estado de São Paulo, em importante destino turístico-esportivo, situação que possibilitou uma construção discursiva que autodenominou a localidade como “capital brasileira da aventura”. A especificidade da formação geológica da região alia-se à veiculação de narrativas fundadoras fragmentadas, provenientes de documentos do início do século XX, que conferem à cidade uma vocação natural e espontânea para a prática do turismo de aventura. No entanto, a presente investigação demonstra, por meio da fala de pessoas que foram importantes para a transformação da cidade em destino turístico de aventura, uma construção pensada segundo negociação de interesses específicos daquele momento histórico (décadas de 1980 e 1990), tais como o desenvolvimento do ecoturismo esportivo como alternativa econômica rentável e menos predatória, ainda que também produtora de certos impactos mal geridos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marília Martins Bandeira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Doutora em Educação Física (UNICAMP). Professora do Departamento de Educação Física, Fisioterapia e Dança da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. E-mail: mariliamartinsbandeira@gmail.com. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-4055-1881.

Sarah Teixeira Soutto Mayor, Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

Doutora em Estudos do Lazer (UFMG). Professora do Departamento de Educação Física da Universidade Federal de Juiz de Fora, Campus Governador Valadares. E-mail: sarahsoutto@gmail.com. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-1825-0097.   

Referências

AGNELLI, Selma. A implementação da atividade turística em Brotas–SP: euforia e declínio. Dissertação de mestrado em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente. Centro Universitário de Araraquara. São Paulo: UNIARA, 127p., 2006.

BAHIA, Mirleide. Lazer meio ambiente: em busca das atitudes vivenciadas nos Esportes de Aventura. Dissertação (Mestrado em Educação Física). Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba. 144p., 2005.

BANDEIRA, Marília Martins et al. " No galejo da remada": estudo etnográfico sobre a noção de aventura em Brotas, SP. Dissertação de mestrado em Antropologia Social pela Universidade Federal de São Carlos, 199p., 2012.

BANDEIRA, Marília; AMARAL, Silvia. Definições oficiais para esportes de aventura e esportes radicais no Brasil. Caderno de Educação Física e Esporte, v. 18, n. 3, p. 1-7, 2020.

CATER, Carl; CLOKE, Paul. Bodies in action: the performativity of adventure tourism. Anthropology today, v. 23, n. 6, p. 13-16, 2007.

CARNICELLI-FILHO, S. O prazer e o medo nas atividades físicas de aventura na natureza (Dissertação de Mestrado em Pedagogia da Motricidade Humana). Universidade Estadual Paulista, Instituto de Biociências de Rio Claro, 156p., 2007.

OLIVEIRA JUNIOR, A. F. Valoração Econômica da Função Ambiental de Suporte relacionada às atividades de turismo, Brotas, SP. Tese de Doutorado. Tese (Doutorado em Ecologia e Recursos Naturais), Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de São Carlos. São Carlos. 277p., 2003.

MAGRO, Teresa Cristina et al. Uso turístico do ambiente natural em Brotas: manejo do público visitante. ECO-Associação para estudos do Meio Ambiente/Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo de Brotas, São Paulo. 2002.

RIBEIRO, Olivia. Um estudo das políticas públicas de lazer de Brotas-SP. Tese de doutorado em Educação Física. Universidade Estadual de Campinas: 167p., 2012.

RAMOS, Adriana; BUSSAB, Leila; SOUZA, Mônica e SANSONI, Silvia. Brotas: cotidiano & história. 1996.

UVINHA, Ricardo. Juventude, Lazer e Esportes Radicais. São Paulo: Manole, 2001.

Downloads

Publicado

2021-01-05

Como Citar

Martins Bandeira, M. ., & Teixeira Soutto Mayor, S. . (2021). A construção da ‘capital brasileira da aventura’: a transformação da cidade de Brotas em destino turístico-esportivo nas décadas de 1980 e 1990: The construction of the ‘Brazilian capital of adventure’: the transformation of the city of Brotas into a tourist-sports destination in the 1980s and 1990s. Revista Caminhos Da Historia, 26(1), 128-147. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/caminhosdahistoria/article/view/3697

Edição

Seção

Dossiê