“Que o destino dos índios seja entregue a eles mesmos”: Darcy Ribeiro e o surgimento de um movimento indígena nacional durante a redemocratização do país

Autores

  • Spensy K. Pimentel Universidade Federal do Sul da Bahia
  • Clóvis A. Brighenti Universidade Federal da Integração Latino-Americana

Palavras-chave:

Darcy Ribeiro, movimento indígena, redemocratização, União das Nações Indígenas, ditadura militar

Resumo

Darcy Ribeiro esteve presente em um momento crucial para a criação de um movimento indígena de caráter inter-regional no país, em seminário que resultou na criação da União das Nações Indígenas, em Campo Grande, em abril de 1980. Em diálogo com as falas do antropólogo nesse evento e na conhecida polêmica de 1979 com Roberto Da Matta, os dois autores, a partir de suas pesquisas sobre a história do movimento indígena no Brasil, discutem o sentido das ações e pronunciamentos públicos de Darcy no período da redemocratização do país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Spensy K. Pimentel, Universidade Federal do Sul da Bahia

Antropólogo e jornalista, professor do Centro de Formação em Artes e Comunicação da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Porto Seguro, Brasil. E-mail: spensy@ufsb.edu.br. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-7256-9384.

Clóvis A. Brighenti, Universidade Federal da Integração Latino-Americana

Historiador, professor do Instituto Latino-Americano de Arte, Cultura e História da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA), Foz do Iguaçu, Brasil. E-mail: clovis.brighenti@unila.edu.br.  ORCID: https://orcid.org/0000-0002-8782-2239.

Referências

Brighenti, Clovis A.; Heck, Egon D. (org.). O movimento indígena no Brasil: da tutela ao protagonismo (1974-1988). Foz do Iguaçu: EdUnila, 2021.

Carneiro da Cunha, Manuela. “Três peças de circunstância sobre direitos dos índios”. In Cultura com aspas – e outros ensaios. São Paulo, Cosac & Naify, 245-58, 2009.

Centro Ecumênico de Documentação e Informação (Cedi). Povos Indígenas no Brasil 1980. Rio de Janeiro/São Paulo, 1981.

Boletim do Cimi. XIII Assembleia Indígena. Brasileia. Ano 9, nº 63, abril de 1980.

Boletim do Cimi. São Paulo: Os índios se encontram, Brasília, ano 10, n. 71, abr./maio 1981, p.12.Cimi. Outros 500. Construindo uma nova História. São Paulo: Ed. Salesiana, 2001.

Da Matta, Roberto A. Carta aberta a Darcy Ribeiro. Encontros com a Civilização Brasileira n. 15, set. 1979, p. 81-92.

Deparis, Sidiclei R. A União das Nações Indígenas (UNI): Contribuição ao movimento indígena no Brasil (1980-1988). Dissertação (mestrado em História) – Universidade Federal da Grande Dourados, Dourados, 2007.

Diniz, Eugenio. Um diálogo de surdos: o projeto Calha Norte. Lua Nova 34, 1994.

Grupioni, Luis Donizete B.; Grupioni, Maria Denise F. Entrevista com Darcy Ribeiro. Horizontes Antropológicos, v. 3, n. 7, 1997.

Jornal Porantim. 14ª Assembleia de chefes indígenas: uma lição de democracia. Manaus: Ano III, n. 21, ago. 1980.

Jornal Porantim. Uma raiz nasce no fundo da terra: União das Nações Indígenas contra o capitalismo. É a lei da natureza. Manaus: Ano III, n. 21, ago. 1980.

Juruna, Mário; Hohlfeldt, Antonio; Hoffmann, Assis. O gravador do Juruna. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1982.

Laraia, Roque de Barros. Roque de Barros Laraia (depoimento, 2008). Rio de Janeiro, CPDOC/Fundação Getulio Vargas (FGV).

Mattos, André Luis Lopes B. Darcy Ribeiro: uma trajetória (1944-1982). Tese (doutorado em Ciências Sociais) – Universidade de Campinas, Campinas, 2007.

Moura, Marlene Castro Ossami de. As assembleias de líderes indígenas no Brasil (1974-1984). In. Brighenti, Clovis A.; Heck, Egon D. (org.). O movimento indígena no Brasil: da tutela ao protagonismo (1974-1988). Foz do Iguaçu: EdUnila, 2021.

Pacheco de Oliveira, João. Regime tutelar e globalização: um exercício de sociogênese dos atuais movimentos indígenas no Brasil. In: REIS, D. A. Tradições e modernidades. Rio de Janeiro: FGV, 2010.

Pimentel, Spensy K. Elementos para uma teoria política kaiowa e guarani. Tese (doutorado em Antropologia) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012.

Pimentel, Spensy K. Aty Guasu, as grandes assembleias kaiowá e guarani: os indígenas de MS e a luta pela redemocratização do país. In Chamorro, Graciela; Combès, Isabelle (org.). Povos Indígenas no Mato Grosso do Sul, Dourados: Ed. UFGD, 2015.

Ribeiro, Darcy. Religião e mitologia kadiuéu. Rio de Janeiro: SPI, 1950.

Ribeiro, Darcy. Antropologia ou A Teoria do Bombardeio de Berlim. Entrevista por Edilson Martins. Encontros com a Civilização Brasileira n. 12, jun. 1979.

Ribeiro, Darcy. Por uma Antropologia melhor e mais nossa. Encontros com a Civilização Brasileira n. 15, set. 1979, p. 93-96.

Ribeiro, Darcy. O papel reservado ao intelectual e à ciência nos países pobres. Encontros com a Civilização Brasileira n. 25, jul. 1980, p. 213-216.

Relatório do I° Seminário de Estudos Indigenistas. Campo Grande – MS, 1980. Arquivo do Centro de Documentação Regional da Universidade Federal da Grande Dourados /UFGD: Dourados – MS

Souza, Márcio; Bessa, José Ribamar; Juruna, Mario; Megaron; Terena, Marcos. Os índios vão à luta. Rio de Janeiro: Marco Zero, 1981.

Suess, Paulo. Em defesa dos povos indígenas – documentos e legislação. São Paulo, Loyola, 1980.

Vidal, Lux (coord.). A questão da emancipação. Cadernos da Comissão Pró-Índio/SP n. 1, ago. 1979.

Veríssimo, Domingos. Entrevista ao Jornal Porantim. Jornal Porantim. Manaus: Ano III, n. 21, ago. 1980.

Downloads

Publicado

2022-12-31

Como Citar

K. Pimentel, S., & A. Brighenti, C. (2022). “Que o destino dos índios seja entregue a eles mesmos”: Darcy Ribeiro e o surgimento de um movimento indígena nacional durante a redemocratização do país. Argumentos - Revista Do Departamento De Ciências Sociais Da Unimontes, 19(2), 28–44. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/argumentos/article/view/6167

Edição

Seção

Dossiê