UMA REFLEXÃO ACERCA DA EMANCIPAÇÃO POLÍTICA E EMANCIPAÇÃO HUMANA

Autores

  • Samira Cristina Silva Pereira Universidade Federal de Alfenas/UNIFAL-MG.
  • Francisco José Xarão Professor Adjunto do ICHL/UNIFAL-MG.

Palavras-chave:

Emancipação política; Emancipação humana; Marx

Resumo

Refere-se a uma releitura da obra Sobre a Questão Judaíca, explorar o conceito
de emancipação política conforme Karl Marx, que diz respeito a redução do homem, de um
lado membro da sociedade, indivíduo que é egoísta e independente e de outro lado, cidadão
e pessoa moral. Apesar de ser um conceito obscuro dentro da obra de Marx, entendemos
emancipação humana como maneira de socialização que os homens possam ser
efetivamente livres, mas para conseguir alcançar tal liberdade é necessário a erradicação do
capital. Concluímos que os limites da emancipação política são insuficiência perante a
emancipação humana que não é possível de ser concretizada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CHASIN, José. Democracia Política e Emancipação Humana. n. 15, Ano VIII, ago./2012 – Publicação semestral – ISSN 1981-061X

MARX, Karl. Sobre a Questão Judaica. São Paulo: Boitempo, 2010.

SOUZA, Osmar Martins de Souza; DOMINGUES Analéia. Emancipação Política e Emancipação Humana em Marx: Alguns Apontamentos. Revista Eletrônica Arma da Crítica; Número 4. dezembro de 2012.

TONET, Ivo. Cidadania ou Emancipação Humana. 2005. Disponível em: Acessado 07/11/2016 às 16:00.

Publicado

2020-03-20

Edição

Seção

Artigos