https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/issue/feed Revista Alteridade 2023-06-29T01:01:41+00:00 Prof. Dr. Fabiano José Alves de Souza revista.alteridade@unimontes.br Open Journal Systems <p>A Revista Alteridade é um periódico discente vinculado ao Departamento de Ciências Sociais da Universidade Estadual de Montes Claros - Unimontes. Sua área temática, portanto, abrange a Antropologia, Sociologia e Ciência Política.</p> https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6789 EDITORIAL 2023-06-29T00:38:36+00:00 Revista Alteridade revista.alteridade@unimontes.br 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6614 REPRESENTAÇÃO POLÍTICA E DEMOCRACIA: 2023-05-26T17:00:36+00:00 Alexander Rocha alexanderrocha2012@gmail.com <p>Refletir sobre como a população negra no Brasil se encontra sub-representada na Câmara dos Deputados é uma forma de analisar uma das manifestações possíveis do racismo na sociedade brasileira, visto que o campo político brasileiro não é um reflexo direto do que seria a população no geral no critério de raça/cor. &nbsp;O objetivo deste artigo é discutir a sub-representação de negros/negras nas eleições de 2018 para o exercício da 56<u><sup>a</sup></u> legislatura na Câmara dos Deputados. Para a realização do artigo foi utilizada a revisão de literatura sobre racismo e representação política e sub-representação e a mobilização de dados secundários sobre raça/cor no Brasil e elementos do perfil dos deputados.&nbsp; Nesse propósito, apresenta-se estatísticas sobre a sociedade e o eleitorado para possibilitar a comparação entre àquela e a composição de um importante lugar de poder na política institucional. A sub-representação está ligada a diversos fatores, como, classe social, gênero e escolaridade, pontos estes fundamentais para a construção dessa discussão acerca dos números de candidatos eleitos. Ao concluir o trabalho, percebeu-se que os negros e negras se encontram sub-representados/sub-representadas na Câmara dos Deputados e essa condição é ainda mais marcante nos representantes das regiões Sudeste e Sul do país.</p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6624 PARTIDOS POLÍTICOS E REPRESENTAÇÃO POLÍTICA EM MUNICÍPIOS PEQUENOS NO BRASIL: 2023-05-28T14:55:08+00:00 Marcela Pimenta Araújo de Assunção marcelabo.glauc@hotmail.com <p>Este estudo trata dos partidos políticos e representação política em pequenos municípios. O objetivo geral foi compreender a percepção do legislativo local acerca da representação política, dos partidos políticos e da vereança no município de Glaucilândia – MG, no período de 2008 a 2020. A coleta de dados se deu por meio de fontes secundárias e com o desenvolvimento de pesquisa de campo com dez vereadores, utilizando a técnica da entrevista semiestruturada. Observa-se na fala dos entrevistados que a concepção de representação política está em conformidade com o que se esperava na perspectiva da relação representante/representado. A percepção dos partidos políticos é fortemente associada às regras do jogo eleitoral para competição e obtenção de recursos que favoreçam a candidatura. A representação na Câmara é exclusivamente masculina, salvo a presença de uma mulher na primeira legislatura pós-emancipação do município. Implicitamente entre os entrevistados prevalecem, na relação entre representantes e representados, os modelos clientelista e assistencialista.</p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6610 TEORIA CRÍTICA FEMINISTA: 2023-05-26T17:02:58+00:00 Rodrigo Rizério de Almeida e Pessoa roripessoa@outlook.com <p>O artigo explora o dilema redistribuição-reconhecimento tal como foi pensado por Nancy Fraser. Após uma breve exposição da “virada feminista” na teoria crítica, a partir da década de 1980, o artigo examina o modo como Fraser entende as lutas políticas atuais e os remédios que ela propõe. Em seguida, examina a proposta da autora de substituir o modelo da identidade, característico da luta por reconhecimento, pelo modelo do status, enfatizando a ideia de subordinação como mobilizador da luta pela valorização cultural. Por fim, o artigo conclui enfatizando que, embora Fraser sempre destaque a diferença entre as reivindicações por redistribuição e por reconhecimento, igualmente entende que são lutas que precisam ser pensadas conjuntamente, pois não se atingirá plenamente a justiça social sem se atacar todas as formas de desigualdade. A isso a autora chamou de “dualismo perspectivo”, que representa a sua compreensão própria de luta social no contexto da crítica da sociedade contemporânea.</p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6442 CERVEJA, FUTEBOL E MULHERES: 2023-05-17T16:53:35+00:00 Gustavo Souza Santos gustavo.ccpv@gmail.com Sthifanny Roberta Pereira de Souza Mendes gustavo.ccpv@gmail.com <p><span class="TextRun SCXW128176990 BCX4" data-contrast="auto"><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">Este </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">estudo</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">aborda</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> a </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">representação</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> da </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">mulher</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">na</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">comunicação</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">publicitária</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">tratando</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">especificamente</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> dos </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">vídeos</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">produzidos</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> para as </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">ações</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> da Heineken do </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">Brasil</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> para as </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">partidas</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">finais</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> da UEFA Champions League </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">nos</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">anos</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de 2014 e 2016. Ambas as </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">ações</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">além</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">promover</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> a </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">partida</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> final do </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">torneio</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">futebol</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">tinham</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">como</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">enredo</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> a </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">premissa</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">criar</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">distrações</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">tidas</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">como</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> interesse </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">feminino</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> para que as </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">mulheres</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">supostamente</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">não</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">perturbassem</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">seus</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">cônjuges</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">ao</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">assistirem</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> à </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">partida</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">. A </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">primeira</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">ação</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">foi</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">considerada</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">uma</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">estratégia</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">sexista</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">por</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">uma</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">parcela</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">consumidores</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> e </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">portais</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">notícias</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">na</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> internet; </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">já</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> a </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">segunda</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">funcionou</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> com o </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">objetivo</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">oposto</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">demonstrando</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> que </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">mulheres</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">também</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">podem</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">ter</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> interesse </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">por</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">futebol</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> e </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">cerveja</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">. Desse modo, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">analisou</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">-se </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">como</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> o </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">discurso</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">publicitário</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">reflete</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">na</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">questão</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">gênero</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">bem</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">como</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> o </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">seu</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">papel</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">na</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">construção</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">sujeitos</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">na</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">sociedade</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">em</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> especial, o </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">gênero</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">feminino</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">. </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">Desenvolve</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">-se </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">uma</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">análise</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> de </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">conteúdo</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> dos </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">vídeos</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> das </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">ações</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> da Heineken </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">produzidas</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> para as </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">partidas</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">finais</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> da Champions League, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">relacionando</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">seu</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">enredo</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> com </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">questões</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">referentes</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> à </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">condição</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> e performance </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">feminina</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">. </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">Observou</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">-se que as </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">ações</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">possuem</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, tanto </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">na</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">teoria</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">como</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">na</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">prática</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, um </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">teor</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">machista</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">atuando</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">contrariamente</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">aos</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SpellingErrorHighlight SCXW128176990 BCX4">objetivos</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">emancipação</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">feminina</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> e da </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">luta</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">feminista</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">gerando</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">contradições</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4">, </span><span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">repercurssões</span> <span class="NormalTextRun SpellingErrorV2Themed SCXW128176990 BCX4">dúbias</span><span class="NormalTextRun SCXW128176990 BCX4"> e debates.</span></span><span class="EOP SCXW128176990 BCX4" data-ccp-props="{&quot;201341983&quot;:0,&quot;335551550&quot;:6,&quot;335551620&quot;:6,&quot;335559738&quot;:0,&quot;335559740&quot;:240}">&nbsp;</span></p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6083 TEORIA DA DEPÊNDENCIA EM FERNANDO HENRIQUE CARDOSO E RUY MAURO MARINI: 2023-05-25T20:35:18+00:00 Júnio Matheus da Silva Cruz juniomatheus10@gmail.com <p>O presente trabalho passa por três frentes de análise, sendo uma de trazer à luz o conceito de Teoria da Dependência a partir do trabalho de Fernando Henrique Cardoso, com orientação Weberiana, o mesmo conceito para Ruy Mauro Marini, de escola Marxista, e realizar uma análise de um campo novo na Ciências Econômica que é a Economia Ecológica, dedicada a estudar os recursos naturais e a intervenção do homem nestas. A discussão passou por apresentar os conceitos de cada um dos autores, e também um panorama geral da Economia Ecológica, para em seguida dialogar com os três mostrando como impactos ambientais e situações de exploração de recursos naturais nos países tidos como periféricos podem ser explicados pela Teoria da Dependência, não somente por um viés, mas tendo uma visão ampla dos conceitos desta e suas várias vertentes, onde cada uma consegue contribuir a um resultado importante de pesquisa. A conclusão mais importante que se chegou no mesmo é como o processo de exploração do trabalho e dos recursos naturais no terceiro mundo deixam um rastro de pobreza, subdesenvolvimento e colapso ambiental para as populações locais a partir de problemas na balança de pagamentos e preços desfavoráveis a estes países, e como as instituições são coniventes com este processo a partir do alinhamento da burguesia internacional com a elite terceiro-mundista.</p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6551 HISTÓRIA DA SOCIOLOGIA E INTRODUÇÃO À TEORIA SOCIOLÓGICA. 2023-05-30T16:38:44+00:00 Tales Gandi Veloso de Andrade ta.talesveloso28@gmail.com <p class="western" align="justify"><span style="font-family: Times New Roman, serif;"><span style="font-size: small;">Este artigo tem por objetivo realizar uma breve análise sobre o nascimento e consolidação da sociologia como uma ciência moderna. Para isso, discute-se a contribuição dos seus pais fundadores, Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber; identifica-se categorias fundamentais da análise sociológica; o pensamento de alguns dos sociólogos contemporâneos; e a gênese dessa ciência em solo brasileiro. Tendo em vista esse percurso, este estudo se baseia em métodos qualitativos de pesquisa, sustentados, especialmente, pela revisão sistemática de literatura, através de obras clássicas e contemporâneas relevantes à essa discussão. Dentre os resultados, percebe-se ser possível estabelecer um diálogo entre os pensadores clássicos que, por sua vez, são fundamentais no pensamento de autores contemporâneos. Além disso, é possível identificar a importância de certas categorias de análise, que buscam explicar a sociedade moderna e capitalista. Este artigo, portanto, pretende contribuir como uma forma de introdução ao estudo da sociologia, em especial para acadêmicos dos períodos iniciais das ciências sociais, mas, também, para forasteiros e curiosos que almejam conhecer o universo da sociologia e o seu campo de análise.</span></span></p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6623 A FESTA DE SÃO PEDRO DE MACARANI - BA: 2023-05-28T14:34:32+00:00 Gabriel de Oliveira Ferraz gabrielferraz.csocial@gmail.com Wadmillan De Oliveira Ferraz miller-ferraz@outlook.com <p>Este artigo tem como objetivo apresentar a Festa de São Pedro de Macarani que ocorreu no ano de 2018 por meio da observação participante, do exercício da descrição densa e da análise e interpretação dos atos e elementos que a compõe. A Festa de São Pedro é comemorada todos os anos, desde 1923, em homenagem ao padroeiro da cidade, e vem escrevendo sua tradição há mais de um século. Eleger uma festa como objeto etnográfico nos abre diversas e diferentes possibilidades de abordagem. Faremos um exercício de interpretação da Festa de São Pedro em duas linhas de análise – como expressão religiosa, voltada à dimensão do sagrado, da ordenação dos sentidos e conexões com a igreja e a mística da cidade e outra, como expressão de identidade, historicamente construída pelas classificações e posições sociais e pela expressão da memória local, em que ambas apontam para diversos níveis da vida social, para o universo de crenças e práticas compartilhadas no espaço e no tempo, constituindo um sistema coerente de auto reconhecimento coletivo, reafirmando na realização da Festa de São Pedro, seu pertencimento a uma mesma comunidade, uma mesma tradição, um ethos social. </p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/alteridade/article/view/6517 A ARTE DE BENZER: 2023-05-31T20:21:02+00:00 Isabela Andrade de Lima Moraes isabelamorais.ufpe@gmail.com Tiago Sandes Costa tiagosandes13@gmail.com Gisele Nunes de Souza Sandes gi_sandes@yahoo.com.br <p>O presente artigo tem por objetivo analisar as práticas de cura realizadas pelos benzedeiros da cidade de Palmeira dos Índios, localizado no interior do Estado de Alagoas. Para tal, realizamos uma abordagem histórico-antropológica e mediante entrevistas narrativas realizadas com esses representantes da Medicina Popular, serão abordadas discussões sobre a descoberta do dom e o processo ritual da crença, da cura e da eficácia da cura. &nbsp;Ao adentrar nesse universo que envolve as práticas de benzeção, observamos que essa arte de cuidar e curar pode ser interrompida por não haver pessoas interessadas em perpetuar essa tradição para o bem da comunidade. Com isso, compreendemos que a tradição oral e o sincretismo religioso contribuem significativamente para a persistência desses saberes nessa localidade. Essa pesquisa busca instigar aos leitores, novas perspectivas sobre o tema abordado, pois, são vários os aspectos voltados a procura desses curadores populares como demonstração da religiosidade popular, para serem pesquisados.</p> 2023-06-29T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 Revista Alteridade