O TRABALHO DO/A ASSISTENTE SOCIAL NO CAMPO DOS CUIDADOS PALIATIVOS

Autores

  • Helen Isis Stocco Ferreira Universidade Federal do Rio de Janeiro

Resumo

O objetivo do trabalho é investigar a atuação do/a assistente social no campo dos Cuidados Paliativos a partir da origem da temática no mundo e no Brasil, com uma construção histórica desde os seus primórdios até os dias atuais. Com um fazer humanizado, comprometido com a dignidade da pessoa humana, em todas as expressões e momentos da vida, incluindo o momento da finitude. São exploradas também as concepções práticas dentro dessa área de atuação com definições de conceitos e políticas norteadoras. Os Direitos Humanos são utilizados como guia e apresentado também como princípio fundamental do código de ética do profissional. É um mergulho no trabalho do/a assistente social, com vistas ao papel do profissional nas equipes multidisciplinares, formas de atuação frente às demandas dos pacientes e familiares, dimensão social além das providências práticas e legais diretamente ligadas ao tema. Outro ponto elucidado é o que diz respeito às Diretivas Antecipadas de Vontade e o tema escolhido para a comemoração do Dia Mundial dos Cuidados Paliativos do ano de 2019: Meu cuidado, meu direito. O método utilizado para análise de conteúdo é o qualitativo e através dele percebe-se uma carência de bibliografia específica sobre a atuação do/a assistente social e a importância de conhecer o paciente para além de sua doença.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-04-03

Como Citar

Isis Stocco Ferreira , H. (2020). O TRABALHO DO/A ASSISTENTE SOCIAL NO CAMPO DOS CUIDADOS PALIATIVOS. Revista Serviço Social Em Perspectiva, 3(2), 192-193. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/sesoperspectiva/article/view/468