Reflexões sobre ética, cotidiano e práxis profissional da/o assistente social

Autores

  • Marisaura dos Santos Cardoso Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUC/Minas
  • Carla Alexandra Pereira Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUC/Minas

Palavras-chave:

Serviço Social; Ética; Práxis profissional; Cotidiano de trabalho.

Resumo

O objetivo deste artigo é desenvolver uma reflexão sobre a ética e a práxis profissional do Serviço Social no cotidiano de trabalho da/o assistente social. Tendo por base os pressupostos fundamentais de Marx, será abordada de forma breve a ética profissional, a partir dos seus fundamentos ontológicos, filosóficos e sua relação à práxis do Serviço Social no cotidiano de trabalho. Constituem-se elementos de reflexão deste artigo, os fundamentos ontológicos e filosóficos da ética, o conceito de práxis, o significado real da profissão no contexto de reprodução das relações sociais, a explicitação de suas demandas e requisições socioprofissionais, o cotidiano de trabalho e os rebatimentos ao pleno exercício da prática profissional. A ética restrita por um longo tempo ao campo da filosofia, amplia-se para diferentes áreas do conhecimento. E ao incidir em diferentes setores da vida social e do cotidiano de trabalho das profissões, ela se apresenta como alternativa à reiteração de práticas profissionais conservadoras incentivadas pelo senso comum e pelo pragmatismo, ou para a efetivação de práticas progressistas voltadas para a defesa dos direitos humanos, da liberdade como princípio ético central, e contra todas as formas de violência, discriminação e exploração.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marisaura dos Santos Cardoso, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUC/Minas

Mestre em Gestão Social, Educação e Desenvolvimento Local no Centro Universitário UNA (2016). Pósgraduação Lato sensu em Seguridade Social e Mercado de Trabalho pelo Instituto de Educação Continuada - IEC
- PUC Minas (2010) e em Serviço Social pela Universidade de Brasília - UnB (2010), graduação em Serviço Social
pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2008);

Carla Alexandra Pereira, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUC/Minas

Graduação em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais(1998), especialização em
Serviço Social e Politica Social pela Universidade de Brasília(2001) e mestrado em Serviço Social pela Pontifícia
Universidade Católica de São Paulo(2008). Atualmente é Assitente Social Judicial da Tribunal de Justiça de Minas
Gerais e Suplente do Conselho Regional de Serviço Social - 6ª Região. Tem experiência na área de Serviço
Social. Atuando principalmente nos seguintes temas:ética, serviço social, laudo social.

Referências

BARROCO, Maria Lúcia. Os fundamentos sócio-históricos da ética. In: CAPACITAÇÃO em Serviço Social e política social. Módulo 02. Brasília. CEAD-UNB, 1999. P.120-136.

_________. Ética & Serviço Social: fundamentos ontológicos. 3.ed. São Paulo. Cortez, 2005.

_________. Fundamentos éticos do Serviço Social. In.: Serviço Social, Direitos Sociais e Competências Profissionais. 2009. Brasília. CEAD-UNB. P. 166-184.

___________. Ética: fundamentos sócio-históricos. São Paulo: Cortez, 2008 (Coleção biblioteca básica/serviço social; vol. 4).

COSTA, Renata Gomes da e MADEIRA, Maria Zelma de Araújo. Trabalho, práxis e Serviço Social. In.: R. Katálysis, Florianópolis, v. 16, n. 1, p. 101-110, jan./jun. 2013.

GUERRA, Yolanda.. A dimensão técnico-operativa do exercício profissional. In.: A dimensão técnico-operativa no Serviço Social: desafios contemporâneos. Juiz de Fora. Editora UFJF. 2012.

HELLER, Agnes. Sociologia de lá vita cotidiana. Barcelona. Península, 1977.

_________. O cotidiano e a história. 7.ed. São Paulo. Paz e Terra, 2004

IAMAMOTO, Marilda Vilela. O serviço social na contemporaneidade: trabalho e formação profissional. São Paulo. Cortez, 2007.

NETTO, José Paulo. A construção do projeto ético‐político contemporâneo. In: Capacitação em Serviço Social e Política Social. Módulo 1. Brasília: CEAD/ABEPSS/CFESS, 1999.

SARMENTO, Hélder Boska de Moraes. Instrumental técnico e o Serviço Social. In.: A dimensão técnico-operativa no Serviço Social: desafios contemporâneos. Juiz de Fora. Editora UFJF. 2012.

TEIXEIRA, Joaquina Barata e BRAZ, Marcelo. O projeto ético-político do Serviço Social, In: Serviço Social, Direitos Sociais e Competências Profissionais. CEAD/ABEPSS/CFESS. 2009.

VÁZQUEZ, Adolfo Sánchez. Filosofia da práxis. Coleção Pensamento Social Latino-Americano. São Paulo. Expressão Popular, 2007.

_________. Ética. Rio de Janeiro. Brasiliense, 2009.

_________. Ética. Tradução de João Dell’Anna. 36. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2014.

Downloads

Publicado

2020-01-15

Como Citar

dos Santos Cardoso, M., & Alexandra Pereira, C. (2020). Reflexões sobre ética, cotidiano e práxis profissional da/o assistente social. Revista Serviço Social Em Perspectiva, 2(1), 22 - 38. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/sesoperspectiva/article/view/357