INCLUSÃO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA

A PERSPECTICA DOS PROFESSORES

Autores

  • Rodolfo Guimarães Silva
  • Guilherme de Souza Nunes Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA
  • Raul Felipe Rodrigues Lopes Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA
  • Ivanete da Rosa de Oliveira
  • Cláudio Delunardo Severino Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

DOI:

https://doi.org/10.46551/rn2022132000063

Resumo

As discussões a respeito da inclusão de pessoas com deficiência se fazem presente na sociedade e esses debates ocorrem tendo como uma das intenções refletir sobre maneiras que venham a assegurar os direitos e deveres de todos. E nesse cenário, percebe-se   a inclusão escolar como um pilar essencial para o alcance de uma sociedade plena e democrática. O objetivo do estudo foi analisar conjunturas referentes à inclusão de discentes com deficiência nas aulas de Educação Física, mediante uma óptica docente no cenário educacional. Para tal, estabeleceu-se como objetivos específicos: atinar pressupostos essenciais para o processo inclusivo como um todo; aportar vertentes culminantes que refletem nas dificuldades do processo ensino-aprendizagem dos AAD (Alunos e Alunas com Deficiência); refletir de forma associada a pesquisas em caráter literário e ao guia de entrevistas, por uma contemplação de argumentos quanto à práxis docente a respeito da inclusão de AAD nas aulas de Educação Física. O caminho metodológico percorrido tratou-se de uma pesquisa quantitativa e exploratória na qual foi aplicada um questionário com o objetivo de expor as opiniões dos participantes acerca do objeto de estudo. Considerou-se que a Educação Física escolar deve estar compromissada com a atenção a todos os alunos e não somente aos possuidores de habilidades necessárias para a prática das atividades propostas. Nessa esfera, cabe ao docente saber persuadir de mecanismos didático-pedagógicos capazes de estimularem todos os alunos independentemente de suas subjetividades, em que os vastos conteúdos providos da Educação Física sejam permeados por uma cultura corporal de movimento em sua totalidade, contextualizando com as relações socioculturais adjacentes de nosso corpo social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANDRADE, P. F.; DAMASCENO, A. R. Pensando a inclusão que temos para tecer a inclusão que queremos: refletindo sobre a reorientação político pedagógica do PME de Itaguaí/RJ. Revista Educação Especial, Santa Maria– RS, v.32, p.1-16, 2019.

BRASIL. Constituição, 1988. Constituição Federal. São Paulo: Lex, 1988.

______. Lei no.8069, de 13 de julho de 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. [lei na Internet]. Disponível em:

http://www.planalto.gov.br/ccivil/LEIS/L8069.htm. Acesso em: 09 out. 2022.

______. Lei 13.146 de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Presidência da República, Atos do Poder Legislativo, Brasília, jul. 2015. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm. Acesso em: 08 out. 2022.

______. Congresso Nacional. Lei nº 13.185, de 06 de novembro de 2015. Institui o Programa de Combate à Intimidação Sistemática (Bullying). Brasília, DF, 2015. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato20152018/2015/lei/l13185.htm. Acesso em: 08 out. 2022.

CIDADE, R. E. A; FREITAS, P. S. Introdução à educação física adaptada para pessoas com deficiência. Curitiba: Ed. da UFPR, 2009.

FERNANDES, M. M. et al. Autoeficácia Docente de Futuros Professores de Educação Física em Contextos de Inclusão no Ensino Básico. Revista Brasileira de Educação Especial, Bauru-SP, v.25, n.2, p.219-232, abr./jun., 2019.

FIORINI, M. L.; MANZINI, E. J. Dificuldades e sucessos de professores de educação física em relação à inclusão escolar. Revista Brasileira de Educação Especial, Bauru-SP, v. 22, n. 1, p. 49-64, jan./mar.,2016.

GORGATTI, M. G.; DE ROSE JUNIOR, D. Percepções dos professores quanto à inclusão de alunos com deficiência em aulas de educação física. Movimento, Porto Alegre, v. 15, n. 02, p. 119-140, abr./jun., 2009.

GREGUOL, M. et al. Inclusão de alunos com deficiência nas aulas de educação física: atitudes de professores nas escolas regulares. Revista Brasileira de Educação Especial, Bauru-SP, v. 24, n.1, p.33-44, jan./mar., 2018.

LOPES, A. C.; NABEIRO, M. Educação física escolar e o contexto inclusivo: o que pensam os educandos sem deficiência? Motriz, Rio Claro, v. 14, n. 4, p. 494-504, out/dez. 2008.

MANTOAN, M. T. E. Inclusão, diferença e deficiência: sentidos, deslocamentos, proposições. Inclusão Social, Brasília-DF, v.10 n.2, p.37-46, jan./jun. 2017.

MAZZARINO, J.M.et al. Acessibilidade e inclusão de uma aluna com deficiência visual na escola e na educação física. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 33, n.1, p. 87-102, jan./mar. 2011.

NABEIRO, M. O colega tutor nas aulas de educação física. “Das margens ao centro: perspectivas para as políticas e práticas educacionais no contexto da educação especial inclusiva. Araraquara: Junqueira & Marin, 2010.

PALMA, L. E.; LEHNHARD, G. R. Aulas de educação física e inclusão: um estudo de caso com a deficiência física. Revista Educação Especial, Santa Maria – RS, v. 25, n.42, p. 115-126, jan./abr., 2012.

ROCHA, J. J. G.; ANDRADE, J. A.M. A inclusão de alunos com deficiência física nas aulas de Educação Física. Revista Eletrônica Nacional de Educação Física, Montes Claros-MG, v. 5, n. 6, ago. 2022.

RODRIGUES, D.A. A educação física perante a educação inclusiva: reflexões conceptuais e metodológicas. Journal of Physical Education, Maringá – PR, v. 14, n.1, p. 67-73, 2003.

________; RODRIGUES, L.L. Educação Física: formação de professores e inclusão. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v.12, n.2, p.317-333, maio/ago.2017.

SANTOS, N. B. et al. A inclusão de alunos com deficiência na educação física. Revista Eletrônica Nacional de Educação Física, Montes Claros-MG, v.13, n.19, p. 110 -119, jan./ jun., 2022.

SASSAKI, O. M. S; SILVA, E. S. Inclusão escolar: um saber necessário à prática docente? InFor, Inov. Form., Rev. NEaD-Unesp, São Paulo, v. 4, n. 1, p. 86-112, 2018.

Publicado

2022-10-17 — Atualizado em 2022-10-17

Versões

Como Citar

GUIMARÃES SILVA, R.; DE SOUZA NUNES, G.; RODRIGUES LOPES, R. F.; DA ROSA DE OLIVEIRA, I.; DELUNARDO SEVERINO, C. INCLUSÃO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA: A PERSPECTICA DOS PROFESSORES. RENEF, [S. l.], v. 13, n. 20, p. 43–68, 2022. DOI: 10.46551/rn2022132000063. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/renef/article/view/5554. Acesso em: 6 dez. 2022.