NÍVEL DE LESÕES EM ATLETAS DE NATAÇÃO

Autores

  • Daiane Francielly Santana Magalhães Faculdades Unidas do Norte de Minas - FUNORTE
  • Karine Gonçalves Souza Faculdades Unidas do Norte de Minas - FUNORTE
  • Priscilla Duarte Soares Correa Centro Universitário Serra dos Órgãos – UNIFESO
  • Jomar Luiz Santos Almeida Faculdades Unidas do Norte de Minas - FUNORTE
  • Wellington Danilo Soares Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES

DOI:

10.35258/rn2018081200023

Palavras-chave:

Natação; Lesões atléticas; Biomecânica.

Resumo

A natação tem sido considerada um dos esportes mais populares e com um crescimento considerável é um esporte que move aproximadamente toda a musculatura e articulações do corpo humano, podendo então, oferecer inúmeros benefícios para o organismo, devido à grande intensidade de treinos e competições que esses atletas são submetidos eles acabam ficando vulneráveis a ocorrências das lesões. Assim objetivou verificar a prevalência de lesões em atletas de natação. Para tanto foi realizado uma pesquisa descritiva, quantitativa e transversal. Foram selecionados para amostra, trinta atletas com mais de seis meses de prática do esporte e de 11 a 23 anos, ambos os sexos, excluídos aqueles com menos de seis meses de prática, Para avaliação das ocorrências de lesões foi avaliada através de um questionário com 15 perguntas que tinham como finalidade analisar as disfunções que esses atletas poderiam apresentar. Já o quadro álgico foi analisado por uma escala que avalia a intensidade da dor no pré treino e pós treino (EVA). Pode verificar que atletas com menos de 5 anos de prática do esporte não apresentavam lesões e o quadro álgico era pequeno, já os praticantes com mais de 5 anos apresentavam lesões e um quadro álgico considerável. O maior desconforto sentido era na articulação do ombro, seguido de joelho. Conclui-se a maior prevalência de lesões ocorrem a partir dos cinco anos de prática, de forma mais evidente no ombro e joelho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daiane Francielly Santana Magalhães, Faculdades Unidas do Norte de Minas - FUNORTE

Acadêmica de Fisioterapia da Faculdades Unidas do Norte de Minas - Funorte.

Karine Gonçalves Souza, Faculdades Unidas do Norte de Minas - FUNORTE

Acadêmica de Fisioterapia da Faculdades Unidas do Norte de Minas - Funorte.

Priscilla Duarte Soares Correa, Centro Universitário Serra dos Órgãos – UNIFESO

Graduada em Enfermagem pelo Centro Universitário Serra dos Órgãos – UNIFESO.

Jomar Luiz Santos Almeida, Faculdades Unidas do Norte de Minas - FUNORTE

Mestre, professor do curso de Fisioterapia das Faculdades Unidas do Norte de Minas – Funorte.

Wellington Danilo Soares, Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES

Doutor, professor da Universidade Estadual de Montes Claros - Unimontes.

Referências

AGUIAR, P.R.C; BASTOS, F.N; JÚNIOR, J.N; VANDERLEI, L.C.M; PASTRE, C.M. Lesões desportivas na natação. Rev. Bras. Med. Esporte, v. 16, n. 4, 2010

ARCANJO, G.N.; DINIZ, M.F.; VASCONCELOS, T.B. Análise da incidência de lesões na articulação do ombro em atletas de natação. Rev. Fisioter. S. Fun., v.4, n.1, p.14-22, Jan-Jun., 2015.

CARVALHO, A.P.C; COELHO, D.C.M. Natação para crianças: O que motiva os pais a escolherem esta modalidade esportiva para seus filhos. 6f. TCC (Graduação), Curso de Educação Física. Universidade Castelo Branco. Rio de Janeiro, 2016.

JENSEN, M.P.; KAROLY, P.; BRAVER, S. The measurement of clinical pain intensity: a comparison of six methods. Pain. v.27, p.117-26, 1986.

LANA, F. S et al. Prevalência de lesões músculo esqueléticas do complexo articular do ombro em nadadores. Educação Física em Revista, v. 9, n. 2, 2016.

LIMA, C. M. Influência da hipermobilidade articular na performance e incidência de lesão no atleta de natação. Exame Geral de Qualificação – Faculdade de Educação Física. Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2013

MARTINS, M. F. A importância do equilíbrio muscular entre os rotadores externos e internos dos ombros de nadadores do estilo crawl. Revista Científica da Faminas, v. 1, n. 3, 2016

MELLO, D. N.; SILVA, A.S.; JOSÉ, F.R. Lesões musculoesqueléticas em atletas competidores da natação. Fisioterapia em Movimento, v. 20, n. 1, p. 123-7, 2007.

PIRES, L. M. T. et al. Lesões no ombro e sua relação com a prática do voleibol-Revisão da Literatura. InterSciencePlace, v. 1, n. 10, 2015.

PIZZO, G.C et al. Estresse e lesões em atletas de esportes coletivos. Arquivos de Ciências da Saúde da UNIPAR, v. 20, n. 1, 2016.

RODRIGUES, M. C et al. O futebol como uma modalidade esportiva popular no Brasil e as lesões mais incidentes nessa prática/Football as a popular sports mode in Brazil and lesions more incidentes that practice. Saúde em Foco, v. 2, n. 2, p. 14-28, 2015.

SANTOS, A. M; GREGUOL, M. Prevalência de lesões em atletas jovens. Semina: Ciências Biológicas e da Saúde, v. 37, n. 2, p. 115-124, 2017.

SILVA, R.S. et al. Incidência de lesões musculoesqueléticas em nadadores de águas abertas. Coleção Pesquisa em Educação Física, v.12, n.1, 2013.

SCHWARTZMANN, N S; SANTOS, F C; BERNARDINELLI, E. Dor no ombro em nadadores de alto rendimento: possíveis intervenções fisioterapêuticas preventivas. Revista de Ciências Médicas. v.14, n.2, 2012.

SILVA, J. V da. Relato de experiência de natação no Programa de Extensão: Política de Esporte e Lazer para Discentes da UEPB. 2016.

O’ Sullivan S. B; Schitmz T. Z. Fisioterapia avaliação e tratamento. 6.ed. São Paulo: Manole, 2018.

VANANCIO, B.O; TACANI, P.M.; DELIBERATO, P. C. P. Prevalência de dor nos nadadores de São Caetano do Sul. Rev Bras Med Esporte, v.18, n. 6, 2012.

Downloads

Publicado

2020-01-22

Como Citar

FRANCIELLY SANTANA MAGALHÃES, Daiane; GONÇALVES SOUZA, Karine; DUARTE SOARES CORREA, Priscilla; LUIZ SANTOS ALMEIDA, Jomar; DANILO SOARES, Wellington. NÍVEL DE LESÕES EM ATLETAS DE NATAÇÃO. RENEF, [s. l.], v. 8, n. 12, p. 22–30, 2020. DOI: 10.35258/rn2018081200023. Disponível em: https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/renef/article/view/539. Acesso em: 24 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)