A PREVALÊNCIA DE LESÕES EM JOGADORES DE TCHOUKBALL DO RIO DE JANEIRO

Autores

  • Allan Coelho de Vasconcellos Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ
  • Camilo Máximo e Jomilto Praxedes Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ

Resumo

O Tchoukball é um esporte coletivo, dinâmico e sem contato físico cujo objetivo é arremessar a bola em uma cama elástica, localizadas em linhas de fundo das quadras, que vem crescendo no Brasil. A prática esportiva pode gerar lesões, causando preocupações para atletas e treinadores, pois interrompem o processo de evolução das adaptações provocadas pelo treinamento. Contudo, ainda não se tem conhecimento de estudos que avaliem as lesões acometidas em praticantes deste esporte. Deste modo, este estudo tem como objetivo identificar a prevalência de lesões em atletas de Tchoukball. Para a realização da coleta de dados foi utilizado um questionário semiestruturado, o Questionário Nórdico de Sintomas Musculoesqueléticos, com questões demográficas e sintomas de lesões osteomusculares. Assim, dezesseis atletas da equipe Herus Tchoukball, sendo 9 mulheres e 7 homens, responderam ao questionário. A técnica incorporada na análise de dados foi a análise estatística descritiva. Na análise, observou-se que os segmentos anatômicos mais acometidos nos últimos 12 meses, foram o ombro (31,25%), região lombar (31,25%), joelhos (25%), tornozelos/pés (25%), dorsal (18,75%), punhos/mãos/dedos (12,5%), quadríceps (12,5%), cotovelo (6,25%) e antebraço (6,25%). Os segmentos anatômicos mais afetados que ocasionaram na interrupção de alguma atividade cotidiana dos atletas nos últimos 12 meses foram a região lombar (18,75%), punhos/mão/dedos (12,5%), quadríceps (6,25%) e tornozelo/pés (6,25%). Os achados do presente estudo corroboram com os resultados encontrados no handebol e voleibol, dos quais as regiões mais acometidas são os membros inferiores e ombros. Conclui-se que a prática do Tchoukball pode acometer principalmente as regiões do ombro, lombar e joelhos, porém, as mesmas não impediram a realização das atividades da vida diária. Sugere-se estudo com uma maior amostra e que investiguem os mecanismos de lesão inerentes ao Tchoukball.

Palavras Chave: Lesões. Atletas. Tchoukball

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-12-10

Como Citar

COELHO DE VASCONCELLOS, A. .; MÁXIMO E JOMILTO PRAXEDES, C. . A PREVALÊNCIA DE LESÕES EM JOGADORES DE TCHOUKBALL DO RIO DE JANEIRO. Revista Eletrônica Nacional de Educação Física, v. 3, n. 3, p. 8, 10 dez. 2020.