https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/verdegrande/issue/feed Revista Verde Grande: Geografia e Interdisciplinaridade 2020-07-16T19:19:27+00:00 Gustavo Henrique Cepolini Ferreira revista.verdegrande@unimontes.br Open Journal Systems <p>A Revista Verde Grande: Geografia e Interdisciplinaridade (ISSN: 2675-2395) é uma publicação em fluxo contínuo do Departamento de Geociências e do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Estadual de Montes Claros – Unimontes e conta com a parceria da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Montes Claros-MG, cujo objetivo é publicar os trabalhos científicos, técnicos e culturais de interesse da área de Geografia, Geociências, Geografia Física, Ciências Ambientais &nbsp;entre outras temáticas afins. Assim, a Revista Verde Grande constitui-se num amplo projeto de divulgação dos trabalhos de professores, pesquisadores, extensionistas, movimentos sociais e ambientais de instituições e organizações brasileiras e internacionais, originários de tese, de dissertação, bem como de projetos de pesquisa, ensino, extensão, inovação e difusão seguindo os princípios éticos e os rigores científicos.</p> https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/verdegrande/article/view/2768 ASPECTOS GEOAMBIENTAL DAS ÁREAS DE NASCENTES NO ALTO CURSO DA SUB-BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO FIGUEIREDO/CEARÁ 2020-07-09T17:41:03+00:00 Diêgo Souza Albuquerque diealbuquerque07@gmail.com Maria Losângela Martins de Sousa losangelaufc@gmail.com <p>Os estudos destinados ao entendimento da dinâmica dos elementos (físicos e humanos) do ambiente são importantes para tomada de decisões sobre o uso dos resursos naturais. Nesse tocante, a compreensão do quadro físico e da ocupação humana de um dado espaço pode ser fundamental para a gestão daquele território. O presente estudo teve como objetivo principal fazer uma contextualização geoambiental das áreas de nascentes no alto curso da sub-bacia hidrográfica do rio Figueiredo, estado do Ceará. O trabalho foi realizado através de estudos bibliográficos, levantamentos geocartográficos, técnicas de geoprocessamento e trabalhos de campo. Obteve-se uma base de dados consistente para a realização da análise sistêmica mais profícua, com vista a identificar os sistemas ambientais. Constata-se que a área em evidência apresenta uma rica diversidade paisagística, sendo essa proporcionada pelos seus atributos naturais. Quanto as atividades de ocupação, deflagram-se como potencializadoras da degradação ambiental. Desta feita, fica nítida a necessidade da adoção de práticas conservacionistas que proporcionem a sustentabilidade dos sistemas ambientais da área em foco.</p> 2020-07-17T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2020 Revista Verde Grande: Geografia e Interdisciplinaridade https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/verdegrande/article/view/2864 VULNERABILIDADE NATURAL À PERDA DE SOLO DA MICROBACIA HIDROGRÁFICA DO RIO CARNAÍBA DE DENTRO, SEMIÁRIDO BAIANO 2020-07-06T23:13:01+00:00 Jardel Gybson Soares Costa jgsoaresc@gmail.com Mateus Ribeiro Caetano mateusribeirocaetano@gmail.com Carlos Magno Santos Clemente carlosmagno.clemente@gmail.com <p>A presente pesquisa teve como objetivo classificar o grau de vulnerabilidade natural à perda de solo da microbacia hidrográfica do Rio Carnaíba de Dentro (BA), indicando a prevalência dos processos do balanço morfogênese/pedogênese. A área de estudo localiza-se no contexto regional do sudoeste do Semiárido Brasileiro. Como técnica utilizou-se as Geotecnologias, a fim de realizar a coleta, armazenamento, tratamento, análise espacial e representação dos dados obtidos, da vulnerabilidade à perda de solo da microbacia do Rio Carnaíba de Dentro (BA). Concluiu-se que houve um equilíbrio entre a pedogênese/morfogênese, uma vez que o meio Medianamente Estável/Vulnerável possui maior incidência sobre microbacia do Rio Carnaíba de Dentro (BA), contrariando a hipótese da prevalência dos processos de morfogênse, majoritariamente presentes em todo semiárido brasileiro. Logo, a partir dos dados e informações obtidos é possível fornecer subsídios para um melhor direcionamento na elaboração de políticas públicas para a microbacia do Rio Carnaíba de Dentro (BA).</p> 2020-07-17T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2020 Revista Verde Grande: Geografia e Interdisciplinaridade