A “CONTRARREFORMA” DA PREVIDÊNCIA SOCIAL: ENTRE A PRECARIZAÇÃO DO SISTEMA PÚBLICO E A AMPLIAÇÃO DO SETOR PRIVADO

Autores

  • CAMILA DE LIMA GIL VIEIRA
  • JÉSSICA NARCISO MENDES
  • SILVINA VERÔNICA GALIZIA

Resumo

Trataremos,neste trabalho,das quatro faces da “contrarreforma” que o sistema previdenciário brasileiro vivencia,desde 1998 até hoje, como expressões da precarização que os sistemas de política sociais públicos experimentam. Deste modo, dão lugar aos capitais privados se incorporarem e valorizarem através de investimentos em setores de política sociais públicas como os Fundos de Pensões. Abordar-se-á, também, como esta dinâmica é implementada pelos sucessivos governos e legitimada pela maioria da população, mesmo caminhando em direção contrária à defesa de direitos sociais dos interesses dos trabalhadores

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANDERSON, Perry. Balanço do neoliberalismo. In: SADER, Emir e GENTILI, Pablo (orgs.). Pós-neoliberalismo: as políticas sociais e o Estado Democrático. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1995, p. 9-23.

ARAÚJO, Elizeu Serra de. “As reformas da Previdência de FHC e LULA e o sistema brasileiro de proteção social”. in: Revista de Políticas Públicas de São Luis. V.13, n°1, 31-4. São Luis do Maranhão: jan/jun, 2009.

BRASIL. Emenda Constitucional nº 20, de 15 de dezembro de 1998. Modifica o sistema de previdência social, estabelece normas de transição e dá outras providências, 1998. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/emendas/emc/emc20.htm>. Acesso em:1 de março de 2017.

______. Emenda Constitucional nº 41, de 19 de dezembro de 2003. Modifica os Arts. 37, 40, 42, 48, 96, 149 e 201 da Constituição Federal, revoga o inciso IX do § 3º do Art. 142 da Constituição Federal e dispositivos da Emenda Constitucional nº 20, de 15 de dezembro de 1998, e dá outras providências. Brasília: Congresso Nacional, 2003. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/emendas/emc/emc41.htm>. Acesso em:1 de março de 2017.

______. Lei Complementar nº 108, de 29 de maio de 2001. Dispõe sobre a relação entre a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, suas autarquias, fundações, sociedades de economia mista e outras entidades públicas e suas respectivas entidades fechadas de previdência complementar, e dá outras providências, 2001. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/lcp/lcp108.htm>. Acesso em:1 de março de 2017.
______. Lei Complementar nº 109, de 29 de maio de 2001. Dispões sobre o Regime de Previdência Complementar e dá outras providências, 2001. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/LCP/Lcp109.htm>. Acesso em:1 de março de 2017.

BEHRING, Elaine Rossetti; BOSCHETTI, Ivanete. Política social: fundamentos e história. 9. Ed. São Paulo: Cortez, 2011.

______. “Seguridade Social no Brasil e perspectivas do governo Lula”. In Rev. Universidade e Sociedade do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior – ANDES/SN. Brasília: Jun/2003. Ano XIII, nº 30. (p. 9-16).

FALEIROS, Vicente de Paula. “Natureza e desenvolvimento das políticas sociais no Brasil”, in: Programa de capacitação continuada para Assistentes Sociais. Módulo 3, Política Social Brasília. CFESS - ABEPSS – CEAD/NED – UnB, 2000.

FRENTE PARLAMENTAR EM DEFESA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL. Desmistificando o Déficit da Previdência. Brasil. Maio, 2016.
GENTIL, Denise L. A política fiscal e a falsa crise do sistema de seguridade social no Brasil: analise financeira do período recente. in: SICSÚ, J. (org.) Arrecadação de onde vem? E gastos públicos, para onde vão? / São Paulo: Boitempo, 2007 (p. 29-35) Brasil.

HARVEY, David. O novo Imperialismo. São Paulo: Loyola, 2003.

MOTA, Ana Elizabete. Cultura da crise e seguridade social: um estudo sobre as tendências da previdência e da assistência social brasileira nos anos 80 e 90. São Paulo: Cortez, 1995.

SALDANHA, J. M. – GRANEMANN, S. “Os falsos argumentos da contrarreforma previdenciária do governo Lula” e “Os fundos de pensão e a acumulação capitalista”. In: Cadernos AdUFRJ. Rio de Janeiro: maio de 2003.

Downloads

Publicado

2020-02-17

Como Citar

DE LIMA GIL VIEIRA, C., NARCISO MENDES , J. ., & VERÔNICA GALIZIA, S. . (2020). A “CONTRARREFORMA” DA PREVIDÊNCIA SOCIAL: ENTRE A PRECARIZAÇÃO DO SISTEMA PÚBLICO E A AMPLIAÇÃO DO SETOR PRIVADO . Revista Serviço Social Em Perspectiva, 2(Especial), 312-325. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/sesoperspectiva/article/view/987

Edição

Seção

Comunicação Oral - Estado e Políticas Sociais