O AVANÇO DO NEOLIBERALISMO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR BRASILEIRA

Autores

  • Leonardo Patrício de Barros Uerj
  • María Fernanda Escurra Uerj

Palavras-chave:

Educação Superior, Neoliberalismo, ensino a distância, Serviço Social, diretrizes curriculares

Resumo

O presente trabalho aborda o avanço da lógica neoliberal no Brasil a partir dos anos 1990 e seu espraiamento na educação superior no país, tendo como estratégia de contenção de gastos a modalidade de ensino a distância/EaD. A partir da implementação das
políticas neoliberais, o avanço do setor privado na educação superior é expressivamente maior que a expansão do ensino superior público. Nesse contexto, o objetivo é mostrar que o ensino a distância, no que tange ao Serviço Social pode significar um ataque ao posicionamento progressista da categoria em relação à formação dos profissionais com base na teoria social crítica de Marx.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BRASIL. CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR. Resolução CNE/CES 15, de 13 de março de 2002.

BRASIL. Lei nº. 9.394, de 20 de dezembro de 1996.

CFESS. Código de ética do assistente social.

CHAUÍ, M. “A universidade pública sob nova perspectiva”. 2003. Acesso em: 12 de jan. de 2020. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rbedu/n24/n24a02.pdf>.

CORBUCCI, P. “O ensino superior brasileiro na década de 90”. Acesso em: 15 de fev. de 2020.Disponível<https://www.ipea.gov.br/agencia/images/stories/PDFs/politicas_sociais/ensiao2_ensino.pdf>.

GONÇALVES, R. Desenvolvimento às avessas: verdade, má-fé e ilusão no atual modelo brasileiro de desenvolvimento. Rio de Janeiro: LTC, 2013.

IAMAMOTO, M. V. “A questão social no capitalismo”. Temporalis, Vitória, ano 2, n. 3, pp. 09 – 32, jan./jun. 2001.

_____. “O Serviço Social na cena contemporânea”. In: Serviço Social: Direitos e Competências Profissionais. Brasília: CFESS/ABEPSS, 2009. p. 15-50.

KATZ, C. Neoliberalismo, neodesenvolvimentismo, socialismo. São Paulo: Expressão popular, 2016.

LEWOY, A. M. B., et. al. “A formação em Serviço Social no Brasil: contexto, conformação e produção de conhecimento na última década”. In: Temporalis. Brasília. Ano13, n. 25, jan/jun. 2013. p. 91-111.

NETTO, J. P. Introdução ao método da teoria social. Acesso em: 10 de jan. de 2020. Disponível em: <https://pcb.org.br/portal/docs/int-metodo-teoria-social.pdf>.

_____. Pequena história da ditadura brasileira. São Paulo: Cortez, 2014.

_____. Questão Social, Serviço Social e Direitos da Cidadania. Temporalis, Vitória, ano 2, n. 3, pp. 41 – 49, jan./jun. 2001.

RABELO, J. B. S. ; BEZERRA, T. A. da. Ensino à distância e suas implicações para a formação dos assistentes sociais: uma reflexão dos cursos EAD no Estado de Pernambuco. Temporalis, Vitória, v. 17, n. 33, pp. 103 – 140, jan./jun. 2017.

SANTOS, B. L. P. A educação superior brasileira em tempos de reformas neoliberais: continuidades ou rupturas? Acesso: 10 de fev. de 2020. Disponível em: <http://www.joinpp.ufma.br/jornadas/joinppIV/eixos/11_educacao/a-educacao-superior-brasileira-em-tempos-de-reformas-neoliberais-continuidades-ou-rupturas.pdf

Downloads

Publicado

2022-08-08

Como Citar

Patrício de Barros, L. ., & Fernanda Escurra, M. . (2022). O AVANÇO DO NEOLIBERALISMO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR BRASILEIRA. Revista Serviço Social Em Perspectiva, 6(Especial), 73–84. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/sesoperspectiva/article/view/5574

Edição

Seção

Comunicação Oral - Serviço Social, Trabalho e Formação