PSICÓLOGAS E ASSISTENTES SOCIAIS NA POLÍTICA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

DESFAZENDO NÓS, REFORÇANDO LAÇOS

Autores

  • Diego Tabosa da Silva Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES
  • Nilson de Jesus Oliveira Leite Junior USP

Palavras-chave:

Política de Assistência Social, Psicologia, Serviço Social, Interdisciplinaridade

Resumo

Este trabalho objetivou problematizar a importância de profissionais de
Psicologia e Serviço Social, no âmbito da Política de Assistência Social, para uma melhor prestação de serviços à população. Trata-se de um estudo qualitativo, do tipo revisão bibliográfica e análise documental. Os resultados apontam que Psicologia e Serviço Social possuem pontos em comum que as unem, como os princípios e valores de seus respectivos Códigos de Ética. Contudo, quando se fala no trabalho coletivo entre essas profissões, muitas ainda são as tensões e conflitos existentes na práxis cotidiana. Portanto, é necessário desfazer nós e reforçar laços para potencializar o trabalho da Política de Assistência Social no enfrentamento às múltiplas expressões da questão social, por vias interdisciplinares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diego Tabosa da Silva, Universidade Estadual de Montes Claros - UNIMONTES

Assistente Social. Mestre em Serviço Social pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Docente do Curso
de Serviço Social da Universidade Estadual de Montes Claros. Editor Chefe da Revista Serviço Social em
Perspectiva. Membro do GEPSS/UNIMONTES, NEFSSC/UFRJ e REFASS/UFF-Rio das Ostras.

Nilson de Jesus Oliveira Leite Junior, USP

2Psicólogo. Mestrando em Psicologia Social na Universidade de São Paulo. Membro do GTEPAS/FASI e do
GEPSS/UNIMONTES.

Referências

BOCK, Ana Mercês Bahia. Psicologia e sua ideologia: 40 anos de compromisso com as elites. In: BOCK, Ana Mercês Bahia (Org.). Psicologia e compromisso social. São Paulo: Cortez, 2003.

BRASIL, Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Censo SUAS - bases e resultados. Brasília: Secretaria Nacional de Assistência Social, 2020. Disponível em: https://aplicacoes.mds.gov.br/snas/vigilancia/index2.php. Acesso em: 17/02/2022.

BRASIL, Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Norma Operacional Básica de Recursos Humanos do SUAS NOB-RH/SUAS. Brasília: Secretaria Nacional de Assistência Social, 2006.

BRASIL, Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Norma Operacional Básica NOB/SUAS: construindo as bases para implantação do Sistema Único de Assistência Social. Brasília: Secretaria Nacional de Assistência Social, 2005.

BRASIL, Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Política Nacional de Assistência Social. Brasília: Secretaria Nacional de Assistência Social, 2004.

CARDOSO, Ana Clara Serpa; PAIVA, Fernando Santana; FURTUOSO, Luiza Miranda; PEREIRA, Viviane Souza. Mapeamento da produção de conhecimento acerca da inserção da Psicologia e do Serviço Social no âmbito do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). In: PAIVA, Fernando Santana; DURIGUETTO, Maria Lúcia (Orgs.). O trabalho profissional da Psicologia e do Serviço Social na Política de Assistência Social: questões, tensões e perspectivas. Juiz de Fora, MG: Editora UFJF, 2021.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA. Resolução CFP n° 010/2005. Aprova o Código de Ética Profissional do Psicólogo. Brasília: CFP, 2005.

CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Resolução CFESS n° 273/1993. Institui o Código de Ética Profissional do/a Assistente Social e dá outras providências. Brasília: CFESS, 2012.

EIDELWEIN, Karen. Psicologia Social e Serviço Social: uma relação interdisciplinar na direção da produção de conhecimento. Revista Textos & Contextos, Porto Alegre, v. 6, n. 2, p. 298-313, jul./dez., 2007

EUZÉBIOS FILHO, Antonio; GRADELLA JÚNIOR, Osvaldo. Psicologia crítica, práxis política, classe e neoliberalismo: um enfoque na Psicologia brasileira. Teoria y Crítica de la Psicología, v. 14, p. 89-111, 2020.

GONÇALVES, Maria da Graça Marchina. Psicologia, subjetividade e políticas públicas.São Paulo: Cortez, 2010.

NERY, Vânia. A psicologia no SUAS: interdisciplinaridade nos cotidianos de trabalho. In: CORDEIRO, Mariana Prioli; SVARTMAN, Bernardo; SOUZA, Laura Vilela e. Psicologia na assistência social: um campo de saberes e práticas. São Paulo: Instituto de Psicologia, 2018.

SANTOS, Luane Neves. A Psicologia na Assistência Social: convivendo com a desigualdade. São Paulo: Cortez, 2014

Downloads

Publicado

2022-08-08

Como Citar

Tabosa da Silva, D. ., & de Jesus Oliveira Leite Junior, N. (2022). PSICÓLOGAS E ASSISTENTES SOCIAIS NA POLÍTICA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL: DESFAZENDO NÓS, REFORÇANDO LAÇOS. Revista Serviço Social Em Perspectiva, 6(Especial), 20–31. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/sesoperspectiva/article/view/5552

Edição

Seção

Comunicação Oral - Serviço Social, Trabalho e Formação