O DESAFIO DO USO DAS TICS NO PROCESSO ENSINO-APRENDIZADO

UMA REFLEXÃO PRELIMINAR NA FORMAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL

Autores

  • Sueli do Nascimento

Palavras-chave:

Serviço Social, Formação, Tecnologia da Comunicação

Resumo

O objetivo deste trabalho é trazer uma reflexão sobre o desafio do uso das Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) no processo de ensino-aprendizado na formação em Serviço Social. Realizamos como procedimentos metodológicos o levantamento bibliográfico e documental, assim como a metodologia denominada de autobiografia ou autonarrativa, quando a partir de nossas experiências, empreendemos a construção do conhecimento e agregamos referências que nos possibilitassem pensar. Obtivemos como resultado a inserção de algumas ferramentas tecnológicas articuladas às metodologias ativas para o favorecimento do aprendizado correlacionando com a contradição que a realidade social impõe.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sueli do Nascimento

Serviço Social. Doutora em Serviço Social. IPPUR/UFRJ. Assistente Social formada pela UFF-Niterói. Mestrado em Serviço Social pela UFRJ e Doutorado em Serviço Social pela UFRJ. Pós doutoranda IPPUR/UFRJ.

Referências

ABEPSS. A Formação em Serviço Social e o Ensino Remoto Emergencial. Brasília: ABEPSS, 2021.

ANDES. Projeto do capital para a educação, volume 4: O ensino remoto e o desmonte do trabalho docente. Brasília: ANDES, 2020.

BRASIL. Portaria nº 544, de 16 de junho de 2020. Dispõe sobre a substituição dasaulas presenciais por aulas em meios digitais, enquanto durar a situação de pandemiado novo coronavírus - Covid-19, e revoga as Portarias MEC nº 343, de 17 de março de2020, nº 345, de 19 de março de 2020, e nº 473, de 12 de maio de 2020. Disponível em: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/portaria-n-544-de-16-de-junho-de-2020-261924872. acesso em: 28 ago. 2020

BRASIL. Parecer CNE/CP nº: 5/2020 de 28 de abril de 2020. Disponível em:http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=145011-pcp005-20&category_slug=marco-2020-pdf&Itemid=30192. Acesso em: 28ago.2020.

BRASIL. Lei 14040, de 18 agosto de 2020. Estabelece normas educacionaisexcepcionais a serem adotadas durante o estado de calamidade pública reconhecidopelo Decreto Legislativo nº 6, de 20 de março de 2020; e altera a Lei nº 11.947, de16 de junho de 2009. Disponível em:https://www2.camara.leg.br/legin/fed/lei/2020/lei-14040-18-agosto-2020-790546-veto-161319-pl.html. Acesso em: 28 ago. 2020.

CFESS. Teletrabalho e Teleperícia: orientações para assistentes sociais. Brasília: CFESS, 2020.

CHAUI, Marilena. O que é Ideologia. 2 ed. São Paulo: Brasiliense, 2008.

CRESS/RJ. Assistente Social: Ética e Direitos. Coletânea de Leis e Resoluções. 5 ed. Rio de Janeiro: CRESS – 7º Região, 2008.

GUERRA, Yolanda. O Estágio Supervisionado como Espaço de síntese da unidade dialética entre teoria e prática: o perfil do profissional em disputa. SANTOS, Cláudia Mõnica dos Santos, LEWGOY, Alzira Maria Baptista e ABREU, Maria Helena Elpídio (Orgs). Supervisão de Estágio em Serviço Social: Aprendizados, Processo e Desafios. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2016.

MARQUES, Valéria e SATRIANO, Cecilia. Narrativa Autobriográfica do Próprio Pesquisador como Fonte e Ferramenta de Pesquisa. Linhas Críticas, Brasília, DF, v.23, n.51, p. 369-386, jun. 2017 a set. 2017.

MORAN, Jose. Um conceito-chave para a educação, hoje. Bacich, Lilian, Tanzini Neto, Adolfo e Trevisani, Fernando de Melo. Ensino Hibrido – Personalização e Tecnologia da Educação. Porto Alegre, Penso, 2015.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Base Nacional Comum Curricular. Educação é a Base. Brasília: MEC, 2017.

NASCIMENTO, Sueli do. O Relato de Experiência do Ensino Remoto no Serviço Social: Disciplina Projeto Integrador na Pandemia. SILVA-JUNIOR, Arnaldo e VEISBA-GARCIA, Everton (Orgs). 20 Olhares sobre a Educação na Pandemia em 2020. Diadema, SP: V&V Editora, 2021.e-book.

NEGREIROS, Taise Cristina Gomes Clementino. OUso das TICs e Aprendizagem Flexível:Contribuições ao debate crítico . Temporalis, Brasília (DF), ano 21, n. 41, p. 102-118, jan./jun. 2021

PINTO, Marina Barbosa e FARAGE, Eblin. Projetos em Disputa na Educação: Trabalho Docente em Tempos de Pandemia. PEREIRA, Larissa Dahmer e ALMEIDA, Ney Luiz Teixeira de. (Orgs). Serviço Social e Educação. Uberlândia/Minas Gerais: Navegando, 2020.

RAICHELIS, Raquel e ARREGUI, Carola C. O trabalho no fio da navalha: nova morfologia no Serviço Social em tempos de devastação e pandemia. Serviço Social e Sociedade, São Paulo, n. 140, p. 134-152, jan./abr. 2021.

ROSA, Letícia Barros Palma da, JIMENEZ, Juan Jetana, JANUÁRIO, Virginia Fernanda, MAIA, Susana Maria e ABREU, Katthelyn Cristina Santos de. Notas sobre Trabalho e Ensino Remoto Emergencial no Contexto da Pandemia de Covid-19: Perfil Docente do Departamento Interdisciplinar de Rio das Ostras da Universidade Federal Fluminense. Montes Claros (MG), volume 5, número 2, jul./dez. 2021.

VELOSO, Renato dos Santos. Tecnologia da Informação: contribuição importante para o exercício profissional?. 2006. Tese (Doutorado em Serviço Social). Escola de Serviço Social, Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2006.

Downloads

Publicado

2022-08-08

Como Citar

do Nascimento, S. (2022). O DESAFIO DO USO DAS TICS NO PROCESSO ENSINO-APRENDIZADO: UMA REFLEXÃO PRELIMINAR NA FORMAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL. Revista Serviço Social Em Perspectiva, 6(Especial), 4–19. Recuperado de https://www.periodicos.unimontes.br/index.php/sesoperspectiva/article/view/5543

Edição

Seção

Comunicação Oral - Serviço Social, Trabalho e Formação