Gilles Deleuze: filosofia, cinema e pensamento

Adhemar Santos de Oliveira, Alex Fabiano Correia Jardim

Resumo

Resumo

 

Gilles Deleuze não se propôs a refletir sobre o cinema ou pensar sobre ele, pois, para o filósofo, a filosofia não é feita para refletir sobre qualquer coisa. Ao tratar a filosofia como capacidade de “refletir-sobre”, parece que lhe damos muito, mas na verdade lhe retiramos tudo. Nesse contexto, o presente artigo tem como objetivo promover o encontro entre filosofia e cinema, ou como Deleuze chama atenção, fazer filosofia com a não-filosofia. Por outro lado, trata-se de pensar o cinema, pois como todas as artes, o cinema pensa através dos filmes e dos grandes diretores. Para Deleuze os conceitos não são dados ao cinema, são conceitos do próprio cinema; O cinema é uma nova prática das imagens e dos signos que a filosofia deve fazer como prática conceitual e nenhuma determinação técnica e nem aplicada basta para construir os próprios conceitos do Cinema.

Palavras-chave: Cinema; Filosofia; Imagem; Pensamento.

Abstract

Gilles Deleuze did not propose to reflect about the cinema or to think about it, because, for the philosopher, philosophy is not meant to reflect on anything. In treating philosophy as the ability to "reflect-on", it seems that we give it a lot, but in fact we take everything away from it. In this context, this article aims to promote the encounter between philosophy and cinema, or as Deleuze calls attention, to do philosophy with non-philosophy. On the other hand, it is a matter of thinking about cinema, because like all arts, cinema thinks through the movies and the great directors. For Deleuze concepts are not given to the cinema, they are concepts of the cinema itself; Cinema is a new practice of images and signs that philosophy should make as conceptual practice, and no technical or applied determination is enough to construct the very concepts of cinema.

 

Keywords: Cinema; Philosophy; Image; Thought.

Palavras-chave

Cinema; Filosofia; Imagem; Pensamento.

Texto completo:

Visualizar PDF
Facebook

Visualizações do PDF:

44 views


Visualizações do Resumo:

68 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.