Relações de poder-saber sobre o gênero e a sexualidade: obervações em uma escola pública da cidade de Goiânia - Goiás

Adriano Martins Rodrigues Passos

Resumo

Este artigo tem como objetivo apresentar e analisar as relações de poder-saber sobre o gênero e a sexualidade presentes em uma escola pública estadual da cidade de Goiânia - Goiás. Para tanto, utilizando da Análise do Discurso de vertente foucaultiana, almejou-se identificar, rastrear e examinar os discursos nos enunciados do Projeto Político Pedagógico (PPP), Regimento Escolar (RE) e no funcionamento da instituição, particularmente aqueles capazes de promover a normatização e normalização do gênero e das expressões da sexualidade. Como resultado compreendeu-se que a escola analisada era governada por uma complexa prolixidade discursiva, na qual os “ditos” e os “não ditos” criavam uma trama de estratégias que contribuíam para a normalização e normatização das experiências, construções das subjetividades e para a manutenção de uma ordem social apoiada no gênero e na heterossexualidade.

Palavras-chave

Gênero; Sexualidade; Escola; Discurso

Texto completo:

Visualizar PDF

Referências

BEAUVOIR, Simone. O segundo sexo: A experiência vivida. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1980.

BOURDIEU, Pierre. Pierre Bourdieu: Sociologia. Renato Ortiz (Org.). São Paulo: Ática, 1983.

______. A dominação masculina. 3 ed. Rio de Janeiro: Edições BestBolso, 2016.

BRASIL. Decreto-lei nº 10.639, de 9 de janeiro de 2003. Brasília – DF. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2003/l10.639.htm Acesso em: 08 maio 2013.

______. Lei Nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Lex: Leis de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira (LDB), Brasília - DF, 1996.

______. Ministério da Educação e Cultura. Parâmetro Curricular Nacional. (Temas Transversais – Orientação Sexual). Secretaria de Educação Fundamental – Brasília: MEC/SEF, 1998.

BRITZMAN, Débora. Curiosidade, sexualidade e currículo. In.: O corpo educado: pedagogias da sexualidade. Guacira Lopes Louro (Org.). Trad. Tomaz Tadeu da Silva (Trad.) 3. ed. Belo Horizonte: Autêntica Editora, p. 83-111, 2010.

BUTLER, Judith. Como os corpos se tornam matéria: entrevista com Judith Butler. Revista de Estudos Feministas. v. 10, n. 1. Florianópolis, jan., 2002;

CANDAU, Vera Maria Ferrão. Diferenças culturais, cotidiano escolar e práticas pedagógicas. Currículo sem Fronteiras. v. 11, n. 2, p. 240-255, jul./dez. 2011. Disponível em: http://www.curriculosemfronteiras.org/vol11iss2articles/candau.pdf Acesso em 16 set. 2011.

DERRIDA, Jacques. Positions. Paris (France): Les Éditions de Minuit (Collection ‘Critique’), 1972.

ELIAS, Norbert; SCOTSON, John L. In: Os estabelecidos e os outsiders: sociologia das relações de poder a partir de uma pequena comunidade. Vera Ribeiro (Trad.). Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., p. 19-51, 2000.

FOUCAULT, Michel. História da Sexualidade I: A vontade de saber. 21. imp. Rio de Janeiro: Edições Graal, 2011a;

______. Vigiar e punir: nascimento da prisão. 39 ed. Raquel Ramalhete (Trad.). Petrópolis: Editora Vozes, 2011b.

______. Michel Foucault explica seu último livro. In.: Arqueologia das ciências e história dos sistemas de pensamento. Manoel Barros da Motta (Org.). Elisa Monteiro (Trad.). (Coleção Ditos & Escritos II). Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000;

¬¬______. Microfísica do Poder. 23 ed. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1979.

______. A arqueologia do saber. Petrópolis (RJ): Editora Vozes, 1972.

GOIÂNIA. Prefeitura Municipal de Goiânia. Anuário Estatístico de Goiânia (2010).Disponível em: http://www.goiania.go.gov.br/shtml/seplam/anuario2012/_html/d_bairros.html Acesso em 17 set. 2013.

hooks, bell. Eros, erotismo e o processo pedagógico. In.: O corpo educado: pedagogias da sexualidade. Guacira Lopes Louro (Org.). 3. ed. Belo Horizonte: Autêntica Editora, p. 113-124, 2010.

LOURO, Guacira Lopes. Gênero, sexualidade e educação: Uma perspectiva pós-estruturalista. 13. ed. Petrópolis: Vozes, 2011.

______. Currículo, gênero e sexualidade. O “normal”, o “diferente” e o “excêntrico”. In.: Corpo, Gênero e Sexualidade: Um debate contemporâneo na educação. Guacira Lopes Louro, Jane Felipe, Silvana Vildre Goellner (Orgs.). 6 ed. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2010a.

______. Pedagogias da Sexualidade. In.: O corpo educado: pedagogias da sexualidade. Guacira Lopes Louro (Org.). 3. ed. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2010b.

______. Gênero e sexualidade: pedagogias contemporâneas. Pro-Posições. v. 19, n. 2 (56) – maio/ago. 2008.

MELLO, Luiz et all. Para além de um kit anti-homofobia: políticas públicas de educação para a população LGBT no Brasil. Bagoas - estudos gays: gênero e sexualidades. v. 6, n. 7. Rio Grande do Norte, 2012.

MEYER, Dagmar Estermann. Gênero e educação: teoria e política. In.: Corpo, Gênero e Sexualidade: Um debate contemporâneo na educação. Guacira Lopes Louro, Jane Felipe, Silvana Vildre Goellner (Orgs.). 6 ed. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2010.

ORLANDI, Eni Puccinelli. Análise de discurso: princípios e procedimentos. 7 ed. Campinas, SP: Pontes, 2007.

SANTOMÉ, Jurjo Torres. Globalização e interdisciplinaridade: o currículo integrado. Cláudia Schilling (Trad.). Porto Alegre: Editora Artes Médicas Sul Ltda, 1998.

SCHULMAN, Sarah. Homofobia familiar: uma experiência em busca de reconhecimento. Bagoas - estudos gays: gênero e sexualidades. n. 5, p. 67-78, 2010.

SCOTT, Joan. Gênero: uma categoria útil de análise histórica. Educação & Realidade. v. 20, n. 2, p. 71-99, jul/dez 1995.

SEDUC – GO. Secretaria de Estado da Educação de Goiás. “Escola Estrela Azul” - Projeto Político Pedagógico. 2012.

SEDUC – GO. Secretaria de Estado da Educação de Goiás. “Escola Estrela Azul” – Regimento Escolar. 2011.

TARGINO, Rafael. Após quase dez anos de lei, ensino de história da África nas escolas ainda enfrenta desafios. Uol Educação (20 nov. 2012). Disponível em: https://educacao.uol.com.br/noticias/2012/11/20/apos-quase-dez-anos-de-lei-ensino-de-historia-da-africa-nas-escolas-ainda-enfrenta-desafios.htm Acesso em 20 jun. 2013.

Facebook

Visualizações do PDF:

55 views


Visualizações do Resumo:

166 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.